Connect with us

Corridas

F1BC Sportscar Pro 2016/1 @ Brands Hatch

F1BC Sportscar Pro 2016/1 @ Brands Hatch

Os próprios espectadores analisaram e concluíram: a Sportscar pro nesta temporada 2016/1 do F1 Brasil Clube Um dos grids mais fortes da história do automobilismo virtual brasileiro. Tal encontro de feras, incluindo diversos campeões no F1BC, rendeu recorde de audiência e interatividade com o público até o momento neste ano, e culminou em Brands Hatch nesta segunda-feira (25) com vitória do estreamnte Cesar Froener, da recém-chegada equipe NoX Simsport. O atual campeão Neto Nascimento fechou em segundo, enquanto a lenda Rodrigo Barônio retornou ao clube completando o pódio.

A classificação já mostrava o que seria a Sportscar Pro: 36 pilotos presentes e um nível altíssimo, que incluía campeões no F1BC como Neto Nascimento, Rodrigo Barônio, Diogo Blanco, André Cozza, Djefferson Ramos, Marcio Costa, Diogo Oliveira, Adaildo Vieira, Julio Moreira, e Luciano Zanetti. Sem contar a variedade de equipes, como NoX, PepperSim, Pro Drivers, Hattrick, Dragon, 2A, F1APS, Alliance Sky, OGP, Mondial, Zero One, Calango, Brutos, Thunder, Americas e Clube do Volante.

Os 10 minutos para voltas rápidas mostrou o estreante cesar Froener trazendo bagagem de experiência com um tempo incrível que coroou sua pole position, seguido por Andrew Lauret e William Fernandes, ambos da Alliance Sky Racing. O tricampeão de Touring Pro Rodrigo Barônio voltou com o quarto tempo pela Pro Drivers, logo a frente do atual campeão Neto Nascimento da PepperSim. Wendel Parra, Marcio Costa, Diogo Oliveira, Emanuel Melo e Ailton Andrade completaram o Top 10 de um total de 36 participantes. Confira a incrível ordem:

Classificação
1 Cesar Froener (NoX Simsport), 1:22.620
2 Andrew Lauret (Alliance Sky Racing), 1:22.822
3 William Fernandes (Alliance Sky Racing), 1:22.933
4 Rodrigo Baronio (Pro Drivers), 1:23.036
5 Neto Nascimento (PepperSim), 1:23.210
6 Wendel Parra (NoX Simsport), 1:23.222
7 Marcio Costa (Pro Drivers), 1:23.289
8 Diogo Oliveira (Independente), 1:23.650
9 Emanuel Melo (Pro Drivers), 1:23.651
10 Ailton Andrade (Hattrick Racing), 1:23.691
11 Pedro Lauro (Dragon Racing AV 2), 1:23.698
12 Diogo Blanco (Pro Drivers 3), 1:23.728
13 Vitor Genz (Brutos Racing), 1:23.759
14 Andre Paulo (2A Sports), 1:23.779
15 Nathan Ciarlo (Americas SimRacing Team), 1:23.954
16 Anderson Mota (NoX Simsport 2), 1:23.984
17 Djefferson Ramos (Pro Drivers 2), 1:24.000
18 Anderson Candemil (Zero One Team Racing), 1:24.247
19 Julio Moreira (Dragon Racing AV), 1:24.391
20 Daniel Machado (PepperSim), 1:24.397
21 Thiago Slake (Mondial Racing), 1:24.418
22 Rafael Bonifacio (OGP Racing), 1:24.570
23 Luciano Zanetti (OGP Racing), 1:24.595
24 Adaildo Vieira (2A Sports), 1:24.634
25 Dave Oliveira (Alliance Sky Racing 2), 1:24.669
26 Rogerio Galhiego (F1APS Racing Team), 1:24.706
27 Andre Cozza (Pro Drivers 3), 1:24.748
28 Carlos Felizardo (Mondial Racing), 1:25.012
29 Gustavo Cavalcanti (Pro Drivers 2), 1:25.074
30 Ricardo Lampert (Alliance Sky Racing 2), 1:25.352
31 Ale Farah (Dragon Racing AV), 1:25.790
32 Beto Soussa (Dragon Racing AV), 1:25.999
33 Rodrigo Improta (Clube do Volante), 1:26.132
34 Alcides Dias (Thunder Racing), 1:26.329
35 Anderson Ramos (Calango Racing), 1:26.493
36 Beto Monteiro (Brutos Racing), Sem tempo

Muitos carros, confusão na certa. Nada disso: a Sportscar Pro teve talvez a largada em movimento mais exemplar dos últimos tempos, com 36 carros que não se tocaram nas primeiras curvas. Froener seguiu na ponta, com a dupla da Alliance Sky puxando Barônio, Nascimento e companhia. Apenas Djefferson Ramos levou um toque em seu BMW e rodou, retornando no último lugar.

À moda antiga, o circuito de Brands Hatch inibiu manobras mais arrojadas e impediu os pilotos de pensarem em correr riscos, e assim as ultrapassagens eram sempre as clássicas ao final das retas. A prova se movimentou com os pit stops, dentre os minutos 25 e 33, este sendo o limite para o tanque de combustível de 55% dos GT3.

Froener até pegou tráfego após sua parada, mas conseguiu lidar bem com este desafio. Fernandes e Lauret voltaram lado a lado e chegaram a se tocar, permitindo a ultrapassagem de Barônio. Depois, William buscou a recuperação e em um duelo lado a lado retomou o segundo posto, deixando o piloto da Pro Drivers sem pista e pegando a caixa de brita, sendo forçado a voltar no quinto lugar.

O duelo entre companheiros de equipe pegou fogo quando Andrew perdeu tempo com um retardatário e permitiu espaço para a passagem de William, mas tentou retomar na freada seguinte e tocou com o mcLaren do parceiro, que rodou. Melhor para Neto Nascimento, que passou ambos e garantiu o segundo lugar.

Corridas de recuperação marcavam a prova em Brands Hatch. Djefferson Ramos, depois de cair para o final do pelotão, aparecia em 15º nos instantes finais. Destaque para Vitor Genz, que pressionava diversos concorrentes e, mesmo sem achar espaços para ultrapassgens, ficou firme no Top 10. Foram 15 os que completaram na volta do líder, uma média espetacular para este circuito com tempos de volta relativamente baixos para os GT3.

Ao final, Cesar Froener levou a vitória com oito segundos de vantagem sobre Neto Nascimento, e Rodrigo Barônio ainda foi ao pódio após a penalidade de Andrew Lauret pelo incidente com William Fernandes, que ficou dentro do Top 5 junto de Marcio Costa, que realizou corrida consistente e longe de confusões. Um excelente início para a NoX Simsport, mas um indicativo de que a Sportscar Pro será pra lá de equilibrada.

A próxima etapa da Sportscar Pro será realizada no circuito de Zolder, no dia 15 de fevereiro, às 22h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo no site www.f1bc.com, que ainda fornece todos os resultados, classificação, informações e VTs das etapas desta e de suas outras categorias.

O F1BC tem parcerias oficiais com Câmara de Comércio e Indústria do Brasil, Soap Car, Chiara Guitar Shop, F1Mania, NRT Servers, e F1-Brasil.

Final, 50 minutos
1 Cesar Froener (NoX Simsport), 35 voltas
2 Neto Nascimento (PepperSim), +8.301
3 Rodrigo Baronio (Pro Drivers), +10.906
4 William Fernandes (Alliance Sky Racing), +26.476
5 Marcio Costa (Pro Drivers), +27.811
6 Wendel Parra (NoX Simsport), +28.438
7 Andrew Lauret (Alliance Sky Racing), +8.747 [+20s]
8 Diogo Blanco (Pro Drivers 3), +39.352
9 Anderson Mota (NoX Simsport 2), +42.612
10 Vitor Genz (Brutos Racing), +43.025
11 Nathan Ciarlo (Americas SimRacing Team), +56.021
12 Emanuel Melo (Pro Drivers), +57.324
13 Ailton Andrade (Hattrick Racing), +57.796
14 Rafael Bonifacio (OGP Racing), +1:19.645
15 Djefferson Ramos (Pro Drivers 2), +1:22.194
16 Carlos Felizardo (Mondial Racing), +1 volta
17 Andre Paulo (2A Sports), +1 volta
18 Pedro Lauro (Dragon Racing AV 2), +1 volta
19 Gustavo Cavalcanti (Pro Drivers 2), +1 volta
20 Luciano Zanetti (OGP Racing), +1 volta
21 Dave Oliveira (Alliance Sky Racing 2), +1 volta
22 Anderson Ramos (Calango Racing), +1 volta
23 Beto Soussa (Dragon Racing AV), +1 volta
24 Anderson Candemil (Zero One Team Racing), +2 voltas
25 Andre Cozza (Pro Drivers 3), +4 voltas (Abandono)
26 Daniel Machado (PepperSim), +9 voltas (Abandono)
27 Alcides Dias (Thunder Racing), +11 voltas (Abandono)
28 Ricardo Lampert (Alliance Sky Racing 2), +11 voltas (Abandono)
29 Ale Farah (Dragon Racing AV), +11 voltas (Abandono)
30 Rogerio Galhiego (F1APS Racing Team), +13 voltas (Abandono)
31 Thiago Slake (Mondial Racing), +14 voltas (Abandono)
32 Diogo Oliveira (Independente), +15 voltas (Abandono)
33 Adaildo Vieira (2A Sports), +17 voltas (Abandono)
34 Rodrigo Improta (Clube do Volante), +18 voltas (Abandono)
35 Beto Monteiro (Brutos Racing), +24 voltas (Abandono)
36 Julio Moreira (Dragon Racing AV), +25 voltas (Abandono) [+20s]
Volta mais rápida: Andrew Lauret, 1:23.138

Race Control
Incidente envolvendo os carros de Tiago Almeida e Adaildo Vieira – Nenhuma ação tomada.
Vitor Genz, Warning – Gerou incidente de nível 1 (14.1.1) [+1 Licença]
Anderson Candemil, Drive Through – Gerou incidente de nível 2 (14.2.1) [+2 Licença]
Incidente envolvendo os carros de Pedro Lauro e Diogo Blanco – Nenhuma ação tomada.
Anderson Mota, Warning – Usou chat durante as sessões de classificação ou de corrida (14.1.4) [+1 Licença]
Anderson Ramos, Warning – Usou chat durante as sessões de classificação ou de corrida (14.1.4) [+1 Licença]
Andrew Lauret, +20s no tempo final de prova – Gerou incidente de nível 2 (14.2.1) [+2 Licença]
Julio Moreira, +20s no tempo final de prova – Gerou incidente de nível 2 (14.2.1) [+2 Licença]

Pontos nas licenças
Vitor Genz +1
Anderson Candemil +2
Anderson Mota +1
Anderson Ramos +1
Andrew Lauret +2
Julio Moreira +2

Vídeo da etapa

More in Corridas