Connect with us

Corridas

F1BC National Pro 2016/1 @ Campo Grande

F1BC National Pro 2016/1 @ Campo Grande

Com um show não só dos pilotos que aproveitaram o pouco lastro, mas também dos mais pesados, a National Pro teve uma apresentação das melhores no circuito de Campo Grande, nesta quarta-feira (2). Tadeu Costa era o grande favorito após a pole position mas se enroscou com um retardatário, o que abriu caminho para Diogo Garcia levar a Shadow ao triunfo no circuito sul-matogrossense no F1 Brasil Clube. Neto Nascimento fez milagre em terceiro para seguir a frente na tabela de pontos e fechou o pódio nesta noite de poucos abandonos e muitas ultrapassagens.

A disputa pela pole position foi apertada do início ao fim, com 13 pilotos “dentro do mesmo segundo”. Tadeu Costa superou Diogo Garcia no final da sessão, e a segunda fila teve Daniel Machado e Artur Vieira. A sequência contou com Rodrigo Lisowski, Eraldo Silva, Vandyg Santiago, Gustavo Araujo, Renan Oliveira, e Jorge Cavalli no Top 10, de um total de 24 entradas em Campo Grande, uma boa média que garante a National Pro como categoria de ótima aceitação e com futuro pela frente.

Classificação
1 Tadeu Costa (Ghost Racer), 1:21.777
2 Diogo Garcia (Shadow Racing), 1:21.855
3 Daniel Machado (PepperSim), 1:21.997
4 Artur Vieira (4Brothers Motorsport), 1:22.085
5 Rodrigo Lisowski (Shadow Racing), 1:22.263
6 Eraldo Silva (Ghost Racer), 1:22.391
7 Vandyg Santiago (Z3 Team), 1:22.418
8 Gustavo Araujo (Ghost Racer), 1:22.509
9 Renan Oliveira (PepperSim 2), 1:22.612
10 Jorge Cavalli (Shadow Racing), 1:22.638
11 Neto Nascimento (PepperSim), 1:22.676
12 Junior Becker (PepperSim), 1:22.721
13 Marcelo Souza (4Brothers Motorsport), 1:22.727
14 Luis Santos (Z3 Team), 1:22.933
15 Thiago Pimenta (Target Racing), 1:22.971
16 Joe Silvestrini (4Brothers Motorsport), 1:22.987
17 Bruno Povoa (4Brothers Motorsport), 1:23.019
18 Nielsen Santos (Marsch Team), 1:23.020
19 Diego Acebedo (Target Racing), 1:23.287
20 Eder Penetra (Z3 Team), 1:23.374
21 Rubens Martins (Z3 Team), 1:24.635
22 Daniel Vieira (Grip Racing 2), 1:24.882
23 Renan Costa (Grip Racing 2), 1:25.379
24 Carlos Leite (Grip Racing 3), 1:27.423

Apesar da fácil largada entre os primeiros colocados, mais uma vez alguém ficou parado ao apagar das luzes, gerando confusão no grupo de trás e alguns estragos. Luis Santos e Joe Silvestrini foram os abandonos neste momento. Mais a frente Lisowski tocou em Machado, e com isso Vieira escapou da pista e Eraldo Silva rodou.

Mas vamos falar de coisa boa. Tadeu Costa e Diogo Garcia seguiam nas duas primeiras posições, mas a bagunça promoveu Vandyg Santiago, Daniel Machado, Gustavo Araujo e Junior Becker na sequência, mesmo com seus 80kg de lastro. Neto Nascimento também sorriu com a oportunidade de ser o oitavo, com os 100kg adicionais. Mesmo Diego Acebedo, em 17º, jogou as mãos para o céu em agradecimento por se safar do mesmo prejuízo de outros.

O que Tadeu não contava era com a dificuldade em passar os retardatários. Em uma ocasião chave na corrida, o piloto da Ghost Racer se viu no final da reta oposta com um competidor bem mais lento e o toque fez o carro número 32 rodar. Era o caminho aberto para Diogo Garcia assumir a ponta.

As diferentes estratégias de pit stops agitaram a prova. O próprio Acebedo somente fez um splash and go no final, mesmas opções da Shadow com Cavalli e Garcia, que com isso notava a aproximação constante de Tadeu. Eram poucos os abandonos em Campo Grande, um percentual que vem melhorando a cada etapa.

Mas era o pega pelo terceiro lugar ao pódio que empolgava, com Marcelo Souza segurando pressão de Neto Nascimento, além da chegada de Artur Vieira, e do próprio Cavalli. Neto passou, levou o troco de Souza mas refez a mesma manobra na última volta, sempre com o push to passo animando a corrida.

Final com Diogo Garcia comemorando sua primeira vitória no F1BC, para entrar na briga pelo título. Tadeu Costa sentiu o gosto amargo do segundo lugar que poderia ter sido o primeiro, mas segue na luta pelo caneco, e Neto Nascimento foi o grande beneficiado em Campo Grande, com um terceiro lugar.

Neto Nascimento com o terceiro lugar manteve a ponta da tabela. COnfira a ordem: 118 Nascimento, 104 Costa, 102 Becker, 100 Acebedo, 91 Souza, 84 Vieira, 83 Cavalli, 78 Uehara, 74 Oliveira, 72 Lisowski, 71 Garcia, 70 Santos. A pontuação completa de pilotos e equipes está no website oficial www.f1bc.com.

A próxima etapa da National Pro será realizada no circuito de Interlagos antigo, no dia 16 de março, às 22h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo no site www.f1bc.com, que ainda fornece todos os resultados, classificação, informações e VTs das etapas desta e de suas outras categorias.

O F1BC tem parcerias oficiais com Câmara de Comércio e Indústria do Brasil, Soap Car, Aliança Consultoria, F1Mania, NRT Servers, SimRacingTools, e F1-Brasil.

Final, 50 minutos
1 Diogo Garcia (Shadow Racing), 36 voltas
2 Tadeu Costa (Ghost Racer), +0:09.795
3 Neto Nascimento (PepperSim), +0:22.200
4 Marcelo Souza (4Brothers Motorsport), +0:23.716
5 Artur Vieira (4Brothers Motorsport), +0:23.868
6 Jorge Cavalli (Shadow Racing), +0:24.102
7 Junior Becker (PepperSim), +0:37.613
8 Diego Acebedo (Target Racing), +0:59.072
9 Nielsen Santos (Marsch Team), +1:06.307
10 Gustavo Araujo (Ghost Racer), +1:14.436
11 Renan Oliveira (PepperSim), +1:20.201
12 Rodrigo Lisowski (Shadow Racing), +1 voltas
13 Eraldo Silva (Ghost Racer), +1 voltas
14 Thiago Pimenta (Target Racing), +1 voltas
15 Rubens Martins (Z3 Team), +1 voltas
16 Daniel Vieira (Grip Racing 2), +2 voltas
17 Renan Costa (Grip Racing 2), +2 voltas
18 Carlos Leite (Grip Racing 3), +3 voltas
19 Bruno Povoa (4Brothers Motorsport), Abandono (30)
20 Vandyg Santiago (Z3 Team), Acidente (20)
21 Daniel Machado (PepperSim), Suspensao (4)
22 Joe Silvestrini (4Brothers Motorsport), Suspensao (0)
23 Luis Santos (Z3 Team), Suspensao (0)
Volta mais rapida: Tadeu Costa, 1:21.810

Race Control
L.Santos, Last Position – Gerou incidente causando um acidente múltiplo (14.5.2) [+5 Licença]
R.Lisowski, Stop-And-Go 30s – Gerou incidente de nível 4 (14.4.1) [+4 Licença] [1]
Incidente envolvendo os carros de J.Becker e G.Araujo – Nenhuma ação tomada. [1]
E.Penetra, Disqualification – Manobra fora dos padrões esportivos (14.6.1) [+6 Licença] [3]
Incidente envolvendo os carros de G.Araujo e V.Santiago- Nenhuma ação tomada.[9]
Incidente envolvendo os carros de D.Garcia e R.Costa- Nenhuma ação tomada.[15]

Pontos nas licenças
Luis Santos +5
Rodrigo Lisowski +4
Eder Penetra +6

Vídeo da etapa

More in Corridas