Connect with us

Corridas

F1BC Indy Pro 2016/3 @ Motegi

F1BC Indy Pro 2016/3 @ Motegi

Os pilotos da Indy Pro chegaram ao oval de Motegi destinados a dar um novo espetáculo e recuperarem o prestígio após uma apresentação conturbada em Phoenix, e o resultado nesta segunda-feira (14) foi uma prova de 120 voltas com apenas uma bandeira amarela e um abandono, resultando em vitória de Sergio Rodrigues, esquentando a briga pelo título com Rafael Matta nesta temporada 2016/3 no F1 Brasil Clube.

Na tomada de tempos, Alberto Ribeiro se sobressaiu e deixou William Trajano com o segundo posto, ambos a frente de Sergio Rodrigues, Ivo Guilhon, Rafael Matta, Adriano Fraporti, Pedro Humenhuk, Leandro Moreira, Beto Soussa, e Toni Andrade, o “Top 10” de total de 17 presentes – ainda que várias ausências tenham sido sentidas pelo feriado prolongado.

Classificação
1 Alberto Ribeiro (Static Racing) 28.350
2 William Trajano (MIG Motorsport) 28.392
3 Sergio Rodrigues (Sinister Race Team) 28.457
4 Ivo Guilhon (MIG Motorsport) 28.464
5 Rafael Matta (Falcon Motorsports) 28.516
6 Adriano Fraporti (Pegoraros Racing) 28.523
7 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports) 28.570
8 Leandro Moreira (Mondial Racing) 28.647
9 Beto Soussa (Dragon Racing AV) 28.654
10 Toni Andrade (Pegoraros Racing 3) 28.682
11 Vinicius Marega (Pegoraros Racing 2) 28.697
12 Thiago Peres (Pegoraros Racing 3) 28.699
13 Wagner Pegoraro (Pegoraros Racing) 28.723
14 Ale Farah (Dragon Racing AV) 29.001
15 Valmor Arenhart (Falcon Motorsports) sem tempo
16 Jose Godoy (Pegoraros Racing 2) sem tempo
17 Mateus Monteiro (Grip Racing) sem tempo

A corrida teve seu longo início em bandeira verde e muito estudo dos pilotos em busca do melhor traçado, ritmo, menor desgaste de pneus, e eventualmente as ultrapassagens. Ribeiro seguiu na ponta, mas Matta, Rodrigues e Trajano sempre estiveram por perto.

Após os pit stops, Rodrigues voltou a frente, com Ribeiro, Trajano e Matta na sequência. Todos pararam entre as voltas 43 e 53, até que a bandeira amarela surgiu em colisão individual de Leandro Moreira na Curva 4. A partir de então, Alberto e William optaram por não parar nos boxes, enquanto todos os demais foram para os serviços.

Assim, Ribeiro e Trajano tinham de fazer mais um pit stop rumo aos estágios finais da corrida, e assim foram na volta 94. Aos demais cabia preservar combustível para fechar a corrida sem um ‘splash and go’, o rápido reabastecimento no fim.

Sergio Rodrigues soube controlar a pequena vantagem para Rafael Matta para conquistar a vitória que o recoloca no mapa da Indy Pro. Após Rafael Matta, Wagner Pegoraro foi o terceiro com um pit stop antecipado. Beto Soussa voltou a surpreender com o quarto posto, a frente de Valmor Arenhart.

A próxima etapa da Indy Pro será realizada no circuito de Indianapolis, no dia 28 de novembro, às 22h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo no site www.f1bc.com, que ainda fornece todos os resultados, classificação, informações e VTs das etapas desta e de suas outras categorias. O F1BC ainda está com as inscrições abertas, e através do site www.f1bc.com/inscricoes você pode fazer parte do grid não só desta categoria como outras que o clube lhe oferece.

O F1BC tem parcerias oficiais com Reiza Studios, NRT Servers, Riffel Driving Academy, Canal Sim Force, Aliança Consultoria, F1Mania, SimRacingTools, SimSync, Manarim Designs, e F1-Brasil.

Final, 120 voltas
1 Sergio Rodrigues (Sinister Race Team) 120 voltas
2 Rafael Matta (Falcon Motorsports), +00.277
3 Wagner Pegoraro (Pegoraros Racing), +12.111
4 Beto Soussa (Dragon Racing AV), +12.765
5 Valmor Arenhart (Falcon Motorsports), +15.912
6 Vinicius Marega (Pegoraros Racing 2), +16.618
7 Ivo Guilhon (MIG Motorsport), +20.233
8 Adriano Fraporti (Pegoraros Racing), +21.213
9 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), +21.256
10 Alberto Ribeiro (Static Racing), +26.320
11 Thiago Peres (Pegoraros Racing 3), +1 volta
12 William Trajano (MIG Motorsport), +1 volta
13 Toni Andrade (Pegoraros Racing 3), +1 volta
14 Jose Godoy (Pegoraros Racing 2), +1 volta
15 Ale Farah (Dragon Racing AV), +1 volta
16 Mateus Monteiro (Grip Racing) , +1 volta
17 Leandro Moreira (Mondial Racing), +56 voltas (Abandono)
Volta mais rápida: Thiago Peres, 28.474

Race Control
Incidente entre S.Rodrigues e R.Matta sob investigação.[2]
Incidente entre S.Rodrigues e R.Matta – Nenhuma ação tomada.[2]
Incidente entre S.Rodrigues e J.Godoy sob investigação.[63]
J.Godoy, Warning – Resistência quando retardatário sem perdas (16.1.3) [+1 Licença][63]

Pontos nas Licenças
Jose Godoy +1

Vídeo da etapa

More in Corridas