Connect with us

Corridas

F1BC Formula Light 2017/2 @ Spa-Francorchamps

F1BC Formula Light 2017/2 @ Spa-Francorchamps

A F1BC Formula Light chegou ao tradicional circuito de Spa-Francorchamps para a disputa da sua última etapa na temporada 2017/2 do F1 Brasil Clube. E noite desta quinta-feira (10), Michael Teichmann ficou a vitória, cumprindo seu papel na busca pelo título, mas foi Elvis Lima o campeão da categoria dos F3 após terminar a prova em segundo, confirmando também a W3 Race como equipe campeã. Dany Ruggier completou o pódio.

A disputa pelo título começou logo na classificação, quando Michael Teichmann, vice-líder do campeonato, cravou a pole-position, superando o líder Elvis Lima. Anderson Batista marcou o terceiro melhor tempo, seguido de Davi Brito, Dany Ruggier e Matheus Fonseca. Giander Mega, Celso Andriani, Diogo Batista e Marc Carvalho completaram o top-10 do grid de largada da noite, que teve incríveis 20 bólidos alinhados.

Classificação
1 Michael Teichmann (TR Motorsports), 2:14.256
2 Elvis Lima (W3 Race), 2:14.629
3 Anderson Batista (Sinister Race Team), 2:15.057
4 Davi Brito (Sim Force Sim Racing), 2:15.121
5 Dany Ruggier (KAMF Racing), 2:15.813
6 Matheus Fonseca (KAMF Racing), 2:15.879
7 Giander Mega (GumP Racing), 2:16.082
8 Celso Andriani (Grip Racing), 2:16.143
9 Diogo Batista (Sinister Race Team), 2:16.268
10 Marc Carvalho (Sinister Race Team 2), 2:16.663
11 Dalton Lima (F1Mania Racing), 2:16.857
12 Augusto Maia (Grip Racing), 2:17.000
13 Leo Nogueira (W3 Race), 2:17.187
14 Adriano Lima (Sinister Race Team 2), 2:17.626
15 Felipe Gomes (Sim-Force SimRacing), 2:17.715
16 Henrique Bettega (Grip Racing 2), 2:17.789
17 Bruno Peres (Sim-Force SimRacing), 2:18.902
18 Marcos Daflita (Grip Racing 3), 2:20.115
19 Daniel Paulo (Grip Racing 2), 2:25.219
20 Esdras Defante (GumP Racing), Sem tempo

A última corrida da Formula Light da temporada teve um excelente início. Os 20 pilotos que formaram o grid fizeram um belíssima largada, completando uma primeira volta sem confusões. Teichmann não conseguiu arrancar bem e viu Elvis Lima assumir a ponta logo na primeira curva, mas recuperou a primeira posição na grande reta após a Eau Rouge. Destaque para o começo de prova de Diogo Batista, que largou de nono e aparecia em quinto depois de boas manobras de ultrapassagem.

Enquanto Michael Teichmann abria vantagem na liderança, Elvis Lima teve um problema técnico e caiu para a quarta posição. E este foi o tempero que proporcionou uma grande disputa entre Lima, Dany Ruggier e Anderson Batista. Para ser campeão, Teichmann precisava vencer a prova e torcer para o líder do campeonato terminar em 12º. Entretanto, o piloto da W3 Race retornou ao segundo posto após passar por Ruggier e Batista.

Elvis Lima foi a primeiro a ir aos boxes nos exatos 25 minutos de prova. O postulante ao título voltou à pista sendo pressionado por Anderson Batista, que parecia ter feito um trabalho de pit melhor, mas o ritmo do piloto da Sinister Race Team caiu. Assim, Lima aproveitou para se garantir em segundo, e Dany Ruggier, que superou batista, agora aparecia em terceiro.

Após sua parada no pitlane, Michael Teichmann só teve o trabalho de administrar a boa vantagem que construiu até receber a bandeira quadriculada em primeiro. O mexicano conquistou sua segunda vitória no campeonato e terminou como vice-campeão, já que Elvis Lima chegou em segundo e foi coroado como o campeão da temporada 2017/2 da Formula Light, confirmando também o título da W3 Race na disputa entre as equipes. Dany Ruggier foi terceiro, à frente de Diogo Batista, Giander Mega e Davi Brito. Esdras Defante, Anderson Batista, Leo Nogueira e Celso Andriani completaram o top-10 da etapa.

O F1 Brasil Clube parabeniza Elvis Lima pelo título conquistado, Michael Teichmann pelo vice-campeonato, e Matheus Fonseca pelo terceiro lugar, além da W3 Race, campeã entre as equipes. A classificação final de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima temporada da Formula Light será iniciada no dia 21 de setembro, no circuito de Jerez, às 20h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Deep Art, Fanatec, Nuuvem, RealGame, e o apoio de Canal Sim Force, F1 Brasil, F1Mania, iRacing, NRT Servers, Reiza Studios,Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 50 minutos
1 Michael Teichmann (TR Motorsports), 22 voltas
2 Elvis Lima (W3 Race), +0:10.063
3 Dany Ruggier (KAMF Racing), +0:19.939
4 Diogo Batista (Sinister Race Team), +0:29.781
5 Giander Mega (GumP Racing), +0:32.561
6 Davi Brito (Sim-Force SimRacing), +0:34.112
7 Esdras Defante (GumP Racing), +0:38.889
8 Anderson Batista (Sinister Race Team), +0:43.050
9 Leo Nogueira (W3 Race), +1:03.129
10 Celso Andriani (Grip Racing), +1:12.380
11 Henrique Bettega (Grip Racing 2), +1:34.230
12 Marc Carvalho (Sinister Race Team 2), +1:41.123
13 Dalton Lima (F1Mania Racing), +2:13.260
14 Adriano Lima (Sinister Race Team 2), Suspensao (21)
15 Matheus Fonseca (KAMF Racing), +1 voltas
16 Felipe Gomes (Sim-Force SimRacing), Suspensao (16)
17 Augusto Maia (Grip Racing), Motor (9) (+20s)
18 Daniel Paulo (Grip Racing 2), Suspensao (5)
19 Bruno Peres (Sim-Force SimRacing), Suspensao (5)
20 Marcos Daflita (Grip Racing 3), Abandono (0)
Volta mais rápida: Michael Teichmann, 2:14.010
Hattrick e Grand Chelem para Michael Teichmann

Race Control
Matheus Fonseca, Warning – Incidente de nível 1 (16.1.1) [+1 Licença][1]
Celso Andriani, Drive-Through – Incidente de nível 2 (16.2.1) [+2 Licença][2]
Augusto Maia, +20s – Incidente de nível 2 (16.2.1) [+2 Licença][9]
Incidente entre Henrique Bettega e Adiano Lima – Nenhuma ação tomada.[22]

Pontos nas licenças

Celso Andriani +2
Augusto Maia +2
Matheus Fonseca +1

Observações
Esdras Defante – alterar nome no simulador de “Esdras Souza” para “Esdras Defante”
Dalton Lima – alterar nome no simulador de “Daltton Lima” para “Dalton Lima”

VT da etapa

More in Corridas