Connect with us

Corridas

F1BC Nascar Light 2017/3 @ Charlotte

F1BC Nascar Light 2017/3 @ Charlotte

A Nascar Light chegou, na noite desta terça-feira (28), em sua sexta e penúltima etapa na temporada 2017/3 do F1 Brasil Clube. A corrida, realizada no oval de Charlotte, teve apenas 2 bandeiras amarelas e Bruno Miranda como vencedor. Pedro Humenhuk foi terceiro, conquistou o título antecipado na categoria dos Truck Silverado e contribuiu para a confirmação da Falcon Motorsports como a campeã na disputa entre as escuderias.

Vera Silva surpreendeu e foi a mais rápida na classificação, garantindo a pole-position. Guilherme Secchi marcou o segundo melhor tempo, sendo melhor que Bruno Miranda, Jorge Destro e Geovani Prechesniuki. Endrigo de Castro, Augusto Maia, Bruno Vasconcelos, Maurício Alves e Well Alves completaram o top-10 do grid de largada, que ainda teve Pedro Humenhuk, líder do campeonato, e Rodrigo Luiz.

Classificação
1 Vera Silva (G-Force Motorsports), 29.417
2 Guilherme Secchi (Falcon Motorsports), 29.448
3 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), 29.467
4 Jorge Destro (Falcon Motorsports), 29.522
5 Geovani Prechesniuki (GP Motorsports), 29.528
6 Endrigo de Castro (Overtake Racing), 29.569
7 Augusto Maia (Grip Racing), 29.596
8 Bruno Vasconcelos (SUB Racing), 29.607
9 Mauricio Alves (Mondial Racing), 29.630
10 Well Alves (SUB Racing), 29.720
11 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), Sem tempo
12 Rodrigo Luiz (Factory Assault), Sem tempo

A corrida já começou movimentada, com Vera Silva se defedendo dos ataques de Bruno Miranda, que passou por Geovani Prechesniuki para brigar pela liderança. Entretando, Bruno Vasconcelos acabou rodando e colidindo muro, causando a primeira bandeira da prova.

Mas se o início de corrida foi bom, a relagada não seria diferente. Os pilotos seguiram em boas disputas pelo grid. Pedro Humenhuk, líder do campeonato que não fez classificação e mantinha um ritmo cauteloso, já figurava no top-10. As paradas nos boxes aconteceram na bandeira amarela, que, por sinal, entrou em ação mais uma vez com o incidente de Well Alves.

O duelo entre Vera Silva e Geovani Prechesniuki continuou movimentando a prova e foi esta briga que deu um novo cenário na etapa. Ambos os pilotos se enroscaram e deixaram a liderança para Bruno Miranda, que vinha logo atrás. O entrevero também ajudou Pedro Humenhuk, segundo colocado neste momento.

Ao final, foi Bruno Miranda quem comemorou a vitória no oval de Charlotte. Jorge Destro chegou em segundo após passar por Pedro Humenhuk, que foi terceiro e comemorou o título da categoria dos Truck Silverado depois de uma excelente temporada.

Os pontos conquistados por Jorge Destro, Pedro Humenhuk e Geovani Prechesniuki confirmaram a Falcon Motorsports como a grande campeã no campeonato das escuderias. A classificação completa de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A última etapa da Nascar Light será realizada no oval de Daytona (2017) [A], no dia 12 de dezembro, às 20h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

Gostou da categoria? As inscrições para a próxima temporada já estão abertas e você pode garantir a sua vaga em www.f1bc.com/inscricoes, preenchendo o formulário completo. Todos os dados serão computados no banco de dados do F1BC, que retornará com agilidade aos pedidos com as informações de pagamento e demais confirmações.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, Nuuvem, Poesia Perfumes, RealGame, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 50 minutos

1 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), 87 voltas
2 Jorge Destro (Falcon Motorsports), +0:23.486
3 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), +0:23.560
4 Geovani Prechesniuki (GP Motorsports), +3 voltas
5 Bruno Vasconcelos (SUB Racing), +8 voltas
6 Mauricio Alves (Mondial Racing), +13 voltas
7 Vera Silva (G-Force Motorsports), Abandono (58) (+40s)
8 Endrigo de Castro (Overtake Racing), +44 voltas
9 Well Alves (SUB Racing), +46 voltas
10 Guilherme Secchi (Falcon Motorsports), +51 voltas
11 Augusto Maia (Grip Racing), Abandono (8)
12 Rodrigo Luiz (Factory Assault), Abandono (0)
Volta mais rápida: Vera Silva, 0:29.474

Race control
Análise de possível problema de conexão de Bruno Vasconcelos.[17]
Análise de possível problema de conexão de Giovani Prechesniuki.[22]
Incidente entre Well Alves e Endrigo de Castro – Nenhuma ação tomada.[41]
Giovani Prechesniuki, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][57]
Vera Silva, +40s – Incidente de nível 3 (17.3.1) [+3 Licença][58]

Pontos nas licenças
Vera Silva +3
Giovani Prechesniuki +1

Observações

Giovani Prechesniuki, uma etapa de suspensão – Atingiu 10 pontos na Licença (20.1)

Vídeo da etapa

More in Corridas