Connect with us

Corridas

F1BC Nascar Pro 2017/3 @ Texas

F1BC Nascar Pro 2017/3 @ Texas

Na noite desta segunda-feira (6), os bólidos da Nascar Pro chegaram ao oval do Texas para a nona etapa do campeonato na temporada 2017/3 do F1 Brasil Clube. E depois de uma corrida que teve quatro bandeiras amarelas em sua parte inicial, mas depois se desenrolou até o final, Bruno Barbugli conquistou mais uma vitória. Junior Borborema e Rafael Hubie completaram o pódio.

A ordem de largada teve Bruno Barbugli e Junior Borborema na primeira fila, seguidos de Mike Ramos, Alex Montoanelli e Rafael Hubie. Sergio Calizario, Ale Laska, Victor Del Porto, o estreante Lucas Afonso e Jorge Destro completaram o top-10 do grid de largada, que contou com 20 carros alinhados esta noite.

Classificação

1 Bruno Barbugli (Falcon Motorsports), 27.179
2 Junior Borborema (DR Racers), 27.227
3 Mike Ramos (Bravus eMotorsport), 27.241
4 Alex Montoanelli (Interlagos Motorsport), 27.249
5 Rafael Hubie (Bravus eMotorsport), 27.390
6 Sergio Calizario (Falcon Motorsports 2), 27.492
7 Ale Laska (Falcon Motorsports), 27.529
8 Victor Del Porto (Static Racing), 27.555
9 Lucas Afonso (Bravus eMotorsport 2), 27.654
10 Jorge Destro (Falcon Motorsports 2), 28.070
11 Diego Santos (4Nerds Racing), 28.656
12 Arthur de Castro (DR Racers), Sem tempo
13 Luis Salmaso (Independente), Sem tempo
14 Alysson Pereira (Independente), Sem tempo
15 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), Sem tempo
16 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), Sem tempo
17 Paulo Cezar Villas Boas (HGT Brasil), Sem tempo
18 Vera Silva (G-Force Motorsports), Sem tempo
19 Allan Botelho (Mondial Racing), Sem tempo

A corrida começou de forma tranquila, com Bruno Barbugli se mantendo à frente, algumas tentativas de ultrapassagens pelo grid, mas nada de muito agitado. Porém, voltas depois, Sergio Calizario errou, colidiu forte no muro e ficou atravessado na pista, motivando a entrada do safety-car pela primeira vez na etapa.

As expectativas para a prova no oval do Texas eram de disputas tranquilas, com menos incidentes do que o habitual. Porém, a parte inicial da corrida contrariou o que era esperado porque bandeira amarela já havia sido acionada quatro vezes. Mas parou por aí, pois desde então a corrida seguiu até o fim em bandeira verde.

Nas bandeiras amarelas, os pilotos aproveitaram para realizarem os primeiros trabalhos nos boxes, mas retornaram nas mesmas posições. Assim, figuras como Bruno Barbugli, Junior Borborema e Rafael Hubie permaneciam entre os ponteiros. A tensão neste momento da prova girava em torno da decisão dos pilotos, sobre em qual volta eles iriam parar para completarem as 120 voltas.

Ao final, Bruno Barbugli foi quem conquistou mais uma vitória, tendo Junior Borborema e Rafael Hubie no pódio. E além do trio, outros pilotos completaram o top-10 da etapa depois de uma excelente corrida após largarem da parte de trás do grid, que foram os casos de Victor Del Porto, Alysson Pereira, Pedro Humenhuk, Allan Botelho e Vera Silva.

Com mais uma vitória, Bruno Barbugli segue na liderança agora com 282 pontos, 11 a mais que Junior Borborema, que soma 71. Victor Del Porto fecha o top-3 com 252. E entrando na reta final da competição, vale destacar a disputa entre as escuderias. A Falcon Motorsports soma 726 tentos e lidera com boa vantagem. A classificação completa de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima etapa da Nascar Pro será realizada no oval de Phoenix [A], no dia 13 de novembro, às 22h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, Nuuvem, Poesia Perfumes, RealGame, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 120 voltas

1 Bruno Barbugli (Falcon Motorsports), 120 voltas
2 Junior Borborema (DR Racers), +0:11.416
3 Rafael Hubie (Bravus eMotorsport), +0:14.230
4 Victor Del Porto (Static Racing), +0:18.717
5 Alysson Pereira (Independente), +0:21.744
6 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), +1 volta
7 Alex Montoanelli (Interlagos Motorsport), +1 volta
8 Allan Botelho (Mondial Racing), +2 voltas
9 Jorge Destro (Falcon Motorsports 2), +2 voltas
10 Vera Silva (G-Force Motorsports), +2 voltas
11 Arthur de Castro (DR Racers), +3 voltas
12 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), Abandono (103)
13 Lucas Afonso (Bravus eMotorsport 2), +17 voltas
14 Diego Santos (4Nerds Racing), Abandono (50)
15 Paulo Cezar Villas Boas (HGT Brasil), Abandono (25)
16 Mike Ramos (Bravus eMotorsport), Abandono (23)
17 Luis Salmaso (Independente), Abandono (20)
18 Ale Laska (Falcon Motorsports), +100 voltas
19 Sergio Calizario (Falcon Motorsports 2), +107 voltas
Volta mais rápida: Alex Montoanelli, 0:27.511

Pontos bônus
Bruno Barbugli +3 pela vitória
Bruno Barbugli +1 por liderar mais voltas
Bruno Barbugli +1 por liderar uma volta
Junior Borborema +1 por liderar uma volta
Rafael Hubie +1 por liderar uma volta
Victor Del Porto +1 por liderar uma volta
Alysson Pereira +1 por liderar uma volta
Alex Montoanelli +1 por liderar uma volta
Arthur de Castro +1 por liderar uma volta

Race control
Ale Laska, Warning – Chat durante a sessão (16.1.4) [+1 Licença] [15]
Mike Ramos, Stop-And-Go 30s – Incidente de nível 4 (16.4.1) [+4 Licença] [19]
Luiz Salmasso, Warning – Chat durante a sessão (16.1.4) [+1 Licença] [20]
Luiz Salmasso, Warning – Chat durante a sessão (16.1.4) [+1 Licença] [20] (2)
Luiz Salmasso, Warning – Chat durante a sessão (16.1.4) [+1 Licença] [20] (3)
Incidente de Jorge Destro – Nenhuma ação tomada. [22]
Ale Laska, Warning – Chat durante a sessão (16.1.4) [+1 Licença] [26]
Ale Laska, Warning – Chat durante a sessão (16.1.4) [+1 Licença] [30]
Diego Santos, Warning – Incidente de nível 1 (16.1.1) [+1 Licença] [33]

Pontos nas licenças
Mike Ramos +4
Ale Laska +3
Luiz Salmasso +3
Diego Santos +1

Observações

Mike Ramos, uma etapa de suspensão – Atingiu 10 pontos na Licença (20.1)
Ale Laska, uma etapa de suspensão – Atingiu 10 pontos na Licença (20.1)
Diego Santos, uma etapa de suspensão – Atingiu 10 pontos na Licença (20.1)

Vídeo da etapa

More in Corridas