Connect with us

Corridas

F1BC National Pro 2017/3 @ Adelaide

F1BC National Pro 2017/3 @ Adelaide

Na noite desta quarta-feira (22), foi a vez dos Stock Car V8 da National Pro chegarem ao circuito de Adelaide. A categoria, que tem uma etapa a menos que os demais campeonatos, teve a disputa de sua quinta corrida na temporada 2017/3 do F1 Brasil Clube. Até os três minutos finais da prova era Diego Carmo quem liderava, mas um problema de motor fez o piloto da Hattrick abandonar e a vitória caiu no colo de Tadeu Costa, que líder do campeonato e pilota o bólido da Logitech Racing Team, equipe que faturou o título da competição das escuderias com duas etapas de antecedência.

Marcos Riffel, que se ausentou na etapa anterior, foi o mais rápido na classificação e garantiu a pole-position. Diogo Garcia (60kg de lastro) marcou o segundo melhor tempo, ficando à frente de Tadeu Costa (60kg), líder do campeonato, Diego Carmo e Marcio Medeiros. Edivan Monteiro, Rodrigo Luiz, Raphael Gonzalles, Heitor Facuri Cicoti (30kg) e Gustavo Caetano completaram o top-10 do grid de largada.

Classificação
1 Marcos Riffel (Factory Assault), 1:22.126
2 Diogo Garcia (Logitech Racing Team), 1:22.837
3 Tadeu Costa (Logitech Racing Team), 1:23.024
4 Diego Carmo (Hattrick Racing), 1:23.188
5 Marcio Medeiros (Hattrick Racing), 1:23.380
6 Edivan Monteiro (Cobra Racing), 1:23.454
7 Rodrigo Luiz (Factory Assault), 1:23.786
8 Raphael Gonzalles (Factory Assault), 1:23.801
9 Heitor Facuri Cicoti (Independente), 1:23.834
10 Gustavo Caetano (SUB Racing), 1:23.944
11 Eraldo Silva (Logitech Racing Team), 1:24.134
12 Hernani Klehm (Hattrick Racing 2), 1:25.767
13 Francisco Junior (Sinister Race Team), 1:26.431
14 Savio Assuncao (SUB Racing), 1:26.918
15 Carlos Aguiar (SUB Racing), 1:27.049
16 Gustavo Vieira (VdeM), 1:27.998
17 Andrei Borges (Fuerza Virtual Racing), Sem tempo
18 Ricardo Borges (Fuerza Virtual Racing), Sem tempo

A corrida começou de forma bem movimentada. Na largada, Marcos Riffel teve que se defender de Diogo Garcia, que tentou assumir a liderança. Enquanto isso, Rodrigo Luiz ficava rodado na primeira curva. As voltas seguintes foram recheadas de duelos, sendo o abandono de Hernani Klehm como o ponto fora da curva. Mas que realmente marcou a parte inicial da prova foi o erro de Riffel, que colidiu no muro e não conseguiu voltar à disputa.

O novo líder era Diego Carmo, que passou Diogo Garcia nas primeiras voltas. A corrida seguia e vale destacar como os pilotos andaram no limite no desafiante traçado australiano. Era comum ver os bólidos ‘traseirando’ na saída das curvas e, também, alguns passando um pouco dos limites, como o caso de Heitor Facuri Cicoti e Eraldo Silva, que cometiam pequenos erros neste momento da prova.

Com os problemas de Heitor e Eraldo, Tadeu Costa já aparecia em segundo, mas com uma diferença para o líder que não baixava de três segundos. As paradas nos boxes, que foram realizadas até nos minutos finais de prova seriam uma oportunidade para o líder do campeonato, mas o acontecimento que mudaria os rumos da corrida viria em sua parte derradeira. Restando menos de três minutos para o agito da bandeira quadriculada, Diego Carmo teve problemas de motor e abandonou a etapa.

Assim, a vitória caiu no colo de Tadeu Costa, que venceu pela terceira vez no campeonato. Eraldo Silva e Edivan Monteiro terminaram no pódio depois que Diogo Garcia, que chegou em quarto, rodou na última curva. O piloto da Logitech Racing Team fechou a corrida em marcha ré, à frente de Marcio Medeiros, Heitor Facuri Cicoti e Francisco Júnior. Diego Carmo abandonou, mas somou os pontos da 8ª posição. Gustavo Vieira e Carlos Aguiar completaram o top-10 da etapa.

Com mais uma vitória, Tadeu Costa segue liderando o campeonato com 91 pontos, seguido pelos companheiros de equipe Diogo Garcia e Eraldo Silva, que somam 79 e 62, respectivamente. A Logitech Racing Team faturou o título da competição entre as escuderias com duas etapas de antecedência após chegar aos 130 tentos de vantagem para a Hattrick Racing, atual segundo melhor time do certame. A classificação completa de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima etapa da National Pro será realizada no circuito de Curitiba (Full), no dia 6 de dezembro, às 20h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

Gostou da categoria? As inscrições para a próxima temporada já estão abertas e você pode garantir a sua vaga em www.f1bc.com/inscricoes, preenchendo o formulário completo. Todos os dados serão computados no banco de dados do F1BC, que retornará com agilidade aos pedidos com as informações de pagamento e demais confirmações.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, Nuuvem, Poesia Perfumes, RealGame, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 50 minutos
1 Tadeu Costa (Logitech Racing Team), 36 voltas
2 Eraldo Silva (Logitech Racing Team), +0:43.860
3 Edivan Monteiro (Cobra Racing), +0:44.144
4 Diogo Garcia (Logitech Racing Team), +0:51.085
5 Marcio Medeiros (Hattrick Racing), +1:05.500
6 Heitor Facuri Cicoti (Independente), +1 volta
7 Francisco Junior (Sinister Race Team), +3 voltas
8 Diego Carmo (Hattrick Racing), Motor (32)
9 Gustavo Vieira (VdeM), +4 voltas
10 Carlos Aguiar (SUB Racing), +6 voltas
11 Andrei Borges (Fuerza Virtual Racing), Suspensao (18)
12 Ricardo Borges (Fuerza Virtual Racing), Acidente (18)
13 Rodrigo Luiz (Factory Assault), Acidente (15)
14 Gustavo Caetano (SUB Racing), Motor (13)
15 Raphael Gonzalles (Factory Assault), Abandono (6)
16 Savio Assuncao (SUB Racing), Suspensao (5)
17 Marcos Riffel (Factory Assault), Suspensao (4)
18 Hernani Klehm (Hattrick Racing 2), Suspensao (1)
Volta mais rápida: Marcos Riffel, 1:22.828

Race control
Rodrigo Luiz, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [1]
Gustavo Vieira, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [1]
Incidente de Gustavo Vieira – Nenhuma ação tomada. [1]
Marcio Medeiros, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [2]
Marcio Medeiros, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [3]
Heitor Facuri, Warning – Resistência quando retardatário sem perdas (17.1.3) [+1 Licença] [15]
Incidente entre Gustavo Vieira e Carlos Aguiar – Nenhuma ação tomada. [20]

Pontos nas licenças
Marcio Medeiros +2
Rodrigo Luiz +1
Gustavo Vieira +1
Heitor Facuri +1

Observações
Marcio Medeiros, uma etapa de suspensão – Atingiu 10 pontos na Licença (19.1)

Vídeo da etapa

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas