Connect with us

Corridas

F1BC Nascar Pro 2018/1 @ Auto Club Speedway

F1BC Nascar Pro 2018/1 @ Auto Club Speedway

Na noite desta segunda-feira (19), a Nascar Pro chegou a sua última etapa na temporada 2018/1 do F1 Brasil Clube. O Speedway de Auto Club foi o palco de mais uma grande corrida da categoria dos Stock Car estadunidenses. Foram somente 2 bandeiras amarelas e muitas disputas, incluindo a pelo título, que durou até a linha de chegada. Junior Borborema conteve os ataques de Alysson Pereira para ser o primeiro campeão da temporada. Entre as equipes, a taça ficou com a Falcon Motorsports.

Na classificação, Romar Arns desbancou os postulantes ao título e ficou com a pole-position, à frente de Ale Laska, Alysson Pereira e Junior Borborema. Endrigo de Castro marcou o quinto tempo nas tomadas de tempo, superando Rafael Hubie, Leandro Moreira, Lucas Afonso, Pedro Humenhuk e Jorge Destro, que completaram o top-10 do grid de largada da noite. Mike Ramos, outro que disputava o título, não anotou volta e foi o 11º.

Classificação
1 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), 41.213
2 Ale Laska (Falcon Motorsports), 41.270
3 Alysson Pereira (Independente), 41.301
4 Junior Borborema (DR Racers), 41.343
5 Endrigo de Castro (Paraguay Racing AV), 41.356
6 Rafael Hubie (Bravus eMotorsport), 41.433
7 Leandro Moreira (Mondial Racing), 41.491
8 Lucas Afonso Pereira (Bravus eMotorsport 2), 41.582
9 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 41.661
10 Jorge Destro (Falcon Motorsports 2), 41.978
11 Mike Ramos (Bravus eMotorsport), Sem tempo
12 Vera Silva (G-Force Motorsports), Sem tempo
13 Allan Botelho (Countdown Racing), Sem tempo

A bandeira verde foi agitada, Romar Arns se manteve na liderança e Alysson Pereira pulou para segundo, deixando Ale Laska e Junior Borborema para trás. Mas as disputas foram interrompidas logo na segunda volta com o acionamento da bandeira amarela após o incidente de Rafael Hubie, que perdeu o controle da traseira do seu bólido.

Depois da relargada, Romar Arns seguia na ponta, liderando um top-5 em que era a única exceção da disputa pelo título, já que Mike Ramos se juntou a Ale Laska, Alysson Pereira e Junior Borborema, aparecendo em terceiro após ter largado de 11º. A disputa entre os 5 permaneceu durante boa parte da prova.

Um incidente que envolveu Lucas Afonso provou a segunda e última bandeira amarela da corrida. Todos os pilotos aproveitaram o momento para as passar pelos boxes. No retorno, os postulantes ao título seguiam atrás de Romar Arns, mas em ordem diferente. Junior Borborema já aparecia em segundo, pressionando o líder.

Os competidores ainda precisaram parar nos boxes em bandeira verde e, agora, quem aparecia na liderança era Junior Borborema, já que Romar Arns perdeu posições depois de pequenos toques no muro. Borborema seguiu na liderança até o final e teve que manter o ritmo para se defender dos ataques de Alysson Pereira, segundo colocado.

Ao final, Junior Borborema passou primeiro, à 0s288 de Alysson Pereira, e conquistou o título da temporada 2018/1 da Nascar Pro. Ale Laska foi terceiro, completando o top-3 da etapa e também do campeonato. Romar Arns fechou em quarto, seguido de Mike Ramos e Rafael Hubie, que conseguiu se recuperar do entrevero do início da prova. Vera Silva, Pedro Humenhuk, Endrigo de Castro e Leandro Moreira terminaram no top-10. As colocações de Laska e Humenhuk confirmaram a Falcon Motorsports como a equipe campeã.

Para a próxima temporada, a categoria Nascar ainda aguarda definições. A Nascar Pro e a Nascar Light disputam um lugar nas segundas-feiras, às 22h. O campeonato que tiver mais inscritos até o dia 27 de abril será o escolhido. As inscrições para a temporada 2018/2 do F1 Brasil Clube já estão abertas e podem ser feitas em www.f1bc.com/inscricoes.

O F1BC tem o patrocínio de Aguiatech, Aliança Consultoria, Área Nobre Estacionamentos, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, M7Help, Poesia Perfumes, RealGame, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 100 voltas
1 Junior Borborema (DR Racers), 100 voltas
2 Alysson Pereira (Independente), +0:00.288
3 Ale Laska (Falcon Motorsports), +0:00.533
4 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), +0:06.215
5 Mike Ramos (Bravus eMotorsport), +0:09.455
6 Rafael Hubie (Bravus eMotorsport), +0:23.468
7 Vera Silva (G-Force Motorsports), +0:36.333
8 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), +0:39.840
9 Endrigo de Castro (Paraguay Racing AV), +1 volta
10 Leandro Moreira (Mondial Racing), +1 volta
11 Lucas Afonso Pereira (Bravus eMotorsport 2), +3 voltas
12 Jorge Destro (Falcon Motorsports 2), +22 voltas
13 Allan Botelho (Countdown Racing), Desclassificação (DQ)
Volta mais rápida: Alysson Pereira, 0:41.310

Race control
Vera Silva, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [23]
Incidente entre Jorge Destro e Alan Botelho – Nenhuma ação tomada. [64]
Alan Botelho, Stop-And-Go 30s – Incidente de nível 4 (17.4.1) [+4 Licença] [78]
Alan Botelho, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [78]
Alan Botelho, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [78] (2)

Pontos nas licenças
Alan Botelho +6
Vera Silva +1

Observações
Allan Botelho, Disqualification – Atingiu 10 pontos na Licença na etapa final (20.3)

Vídeo da etapa

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas