Connect with us

Corridas

F1BC Indy Light 2018/2 @ Daytona

F1BC Indy Light 2018/2 @ Daytona

Iniciando a segunda semana de corridas da temporada 2018/2 do F1 Brasil Clube, os bólidos da Indy Light desembarcaram no oval de Daytona, na noite desta segunda-feira (21), para a estreia da categoria no período. E em uma excelente corrida, marcada por 4 bandeira amarelas e final eletrizante, Bruno Vasconcelos foi quem comemorou a vitória. Deivilyn Carrasco e Gabriel Chaubah completaram o pódio.

Na classificação, um empate no tempo de Bruno Vasconcelos e Fernando Horta já anunciava o equilíbrio característico do campeonato. Por milésimos, a pole-position ficou com Vasconcelos. Carlos Aguiar, Bruno Miranda, Deivilyn Carrasco e Fernando Stropa apareceram na sequência. Jorge Destro, Lucas Silva, Paulo Maeda e Sergio Kolachinski completaram o top-10 do grid de largada da noite.

Classificação
1 Bruno Vasconcelos (Dragon Racing AV), 37.490
2 Fernando Horta (Grip Racing), 37.490
3 Carlos Aguiar (SUB Racing), 37.505
4 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), 37.505
5 Deivilyn Carrasco (Dragon Racing AV), 37.511
6 Fernando Stropa (Dragon Racing AV), 37.518
7 Jorge Destro (Triple Crown Motorsports), 37.538
8 Lucas Silva (Hattrick Racing), 37.538
9 Paulo Maeda (Black Wings Racing Team), 37.541
10 Sergio Kolachinski (Overmind Racing), 37.543
11 Fernando Passos (Overmind Racing), 37.554
12 Marcos Daflita (Evolution Racing Team), 37.555
13 Gelson Machado (Grip Racing), 37.565
14 Leandro Silva (SUB Racing), 37.566
15 Carlos Weiss (Tornado Motorsports), 37.571
16 Vinicius Loyola (Evolution Racing Team), 37.594
17 Alvaro Wanderley (SUB Racing), 37.675
18 Alexandre Eduardo (Independente), 37.727
19 Pedro Humenhuk (Triple Crown Motorsports), 37.793
20 Wellington Dill (Overmind Racing 2), 37.965
21 Gabriel Chaubah (Overmind Racing), Sem tempo
22 Silvia Clemente (Independente), Sem tempo
23 Vinicius Guimaraes (BMRS Motorsports), Sem tempo

A corrida não seguiu o bom exemplo da classificação e começou de uma forma não muito animadora. Logo na largada, um incidente que envolveu vários carros causou a primeira bandeira amarela da noite. Bruno Vasconcelos e Fernando Horta seguiam à frente, nas mesmas posições. Mas atrás teve mudança. Agora era Deivilyn Carrasco, Fernando Stropa e Paulo Maeda completando o top-5 inicial.

Na relargada, os 5 primeiros aproveitaram a bobeira dos demais pilotos no alinhamento para logo abrirem vantagem e se isolarem na frente. Mas quando a disputava começava a esquentar, outra bandeira amarela foi acionada. O líder Bruno Vasconcelos foi aos boxes, enquanto seus demais adversários da ponta permaneceram na pista.

A sequência da prova continuava sendo marcada por disputas, mas a bandeira amarela ainda seria acionada mais duas vezes na noite. Na última vez, o safety-car entrou na pista depois de um incidente entre Fernando Horta e Lucas Silva, que disputavam a liderança. Bruno Vasconcelos retornaria à ponta após excelente performance depois de sua primeira parada, mas decidiu parar novamente no pitlane.

Faltando pouco mais de 10 minutos para o final, o top-5 tinha Fernando Passos na liderança, seguido de Paulo Maeda, Gelson Machado, Gabriel Chaubah e Pedro Humenhuk. Mas o cenário começou a desandar quando Gelso Machado saiu da disputa depois de ficar no muro. Paulo Maeda e Pedro Humenhuk também perderam rendimento. Tudo isso porque decidiram ir até o final da prova sem parar nos boxes novamente.

Mas, ao final, não teve jeito. Fernando Passos e Gabriel Chaubah tiveram que ir aos boxes e o caminho ficou livre para Bruno Vasconcelos conquistar a vitória em Daytona. O piloto da Dragon Racing AV já estava acompanhando toda a movimentação entre os ponteiros e aproveitou o erro para levar os 50 pontos para casa.

O final da prova foi conturbado, com incidentes e misturadas com as paradas nos boxes na volta final. Com isso, o top-10 teve: DeiVilyn Carrasco e Gabriel Chaubah completando o pódio e Pedro Humenhuk, Fernando Passos, Paulo Maeda, Bruno Miranda, Jorge Destro, Marcos Daflita e Vinicius Guimarães fechando o grupo dos 10 primeiros.

A classificação completa do campeonato de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima etapa da Indy Light será realizada no oval de Charlotte [N], no dia 4 de junho, a partir das 20h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na fanpage do F1BC. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

As inscrições para a temporada 2018/2 ainda estão abertas e você pode garantir a sua vaga em www.f1bc.com/inscricoes, preenchendo o formulário completo. Todos os dados serão computados no banco de dados do F1BC, que retornará com agilidade aos pedidos com as informações de pagamento e demais confirmações.

O F1BC tem o patrocínio de Aguiatech, Aliança Consultoria, Área Nobre Estacionamentos, Chiara Guitar Parts, Deep Art, Doutor Lubrifica, Logitech, M7Help, Pro Racing Simuladores, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, e Sector3 Studios.

Final, 50 minutos
1 Bruno Vasconcelos (Dragon Racing AV), 57 voltas
2 Deivilyn Carrasco (Dragon Racing AV), +0:01.553
3 Gabriel Chaubah (Overmind Racing), +1 volta
4 Pedro Humenhuk (Triple Crown Motorsports), +1 volta
5 Fernando Passos (Overmind Racing), +1 volta
6 Paulo Maeda (Black Wings Racing Team), +1 volta
7 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), +4 voltas
8 Jorge Destro (Triple Crown Motorsports), +4 voltas
9 Marcos Daflita (Evolution Racing Team), +4 voltas
10 Vinicius Guimaraes (BMRS Motorsports), +5 voltas
11 Gelson Machado (Grip Racing), Abandono (41)
12 Alvaro Wanderley (SUB Racing), Abandono (31)
13 Wellington Dill (Overmind Racing 2), Abandono (30)
14 Fernando Horta (Grip Racing), Abandono (29)
15 Fernando Stropa (Dragon Racing AV), +45 voltas
16 Carlos Weiss (Tornado Motorsports), Abandono (11) (+20s)
17 Lucas Silva (Hattrick Racing), Abandono (4)
18 Carlos Aguiar (SUB Racing), +57 voltas (+40s)
19 Sergio Kolachinski (Overmind Racing), +57 voltas
20 Alexandre Eduardo (Independente), Abandono (0)
21 Silvia Clemente (Independente), Abandono (0)
22 Leandro Silva (SUB Racing), Last Position (LP)
23 Vinicius Loyola (Evolution Racing Team), Last Position (LP)
Volta mais rápida: Bruno Vasconcelos, 0:36.928

Pontos bônus
Bruno Vasconcelos +1 pela pole-position
Fernando Passos +1 por liderar mais voltas

Race control
Jorge Destro, Stop-And-Go 10s – Incidente de nível 3 (17.3.1) [+3 Licença] [1]
Carlos Aguiar, +40s – Incidente de nível 3 (17.3.1) [+3 Licença] [1]
Carlos Weiss, +20s – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença] [4]
Vinicius Loyola, Last Position – Incidente de nível 5 (17.5.1) [+5 Licença] [11]
Incidente com Bruno Vasconcelos – Nenhuma ação tomada. [16]
Incidente entre Deivilyn Carrasco e Fernando Passos – Nenhuma ação tomada. [24]
Leandro Silva, Last Position – Incidente de nível 5 (17.5.1) [+5 Licença] [29]
Incidente entre Bruno Vasconcelos e Marcos Daflita – Nenhuma ação tomada. [32]
Paulo Maeda, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [45]

Pontos nas licenças
Vinicius Loyola +5
Leandro Silva +5
Jorge Destro +3
Carlos Aguiar +3
Carlos Weiss +2
Paulo Maeda +1

Vídeo da etapa

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas