Connect with us

Corridas

F1BC Nascar Light 2017/3 @ Daytona

F1BC Nascar Light 2017/3 @ Daytona

A Nascar Light retornou ao tradicional oval de Daytona, na noite desta terça-feira (31), para a disputa da sua quarta etapa na temporada 2017/3 do F1 Brasil Clube. E na pista, Jorge Destro se destacou desde a largada e, depois de fugir dos problemas durante a prova, que contou com 3 bandeiras amarelas, foi ele quem conquistou a vitória. Colados no piloto da Falcon Motorsports, Well Aves e Augusto Maia completaram o pódio.

Romar Arns foi o mais rápido nas tomadas de tempo e ficou com a pole-position. Maurício Alves foi segundo, sendo melhor que Bruno Miranda, Geovani Prechesniuki e Bruno Vasconcelos. Pedro Humenhuk, Rodrigo Luiz, Jorge Destro, Ricardo Pereira e Well Alves apareciam na sequência, completando o top-10 do grid de largada, que ainda teve Endrigo de Castro, Augusto Maia, o estreante Marson Esgrinholi e Vera Silva.

Classificação
1 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), 50.381
2 Mauricio Alves (Mondial Racing), 50.413
3 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), 50.420
4 Geovani Prechesniuki (GP Motorsports), 50.433
5 Bruno Vasconcelos (SUB Racing), 50.440
6 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 50.477
7 Rodrigo Luiz (Factory Assault), 50.478
8 Jorge Destro (Falcon Motorsports), 50.493
9 Ricardo Pereira (Clube do Volante), 50.501
10 Well Alves (SUB Racing), 50.503
11 Endrigo de Castro (Overtake Racing), 50.645
12 Augusto Maia (Grip Racing), 50.723
13 Marson Esgrinholi (Mondial Racing), Sem tempo
14 Vera Silva (G-Force Motorsports), Sem tempo

A corrida começou com Romar Arns se mantendo à frente do pelotão. Porém, o destaque da arrancada inicial foi Jorge Destro. O piloto da Falcon Motorsports, que largou em 8º, decidiu utilizar a linha de fora e foi conquistando posições até chegar na liderança ainda nas primeiras voltas.

E foi também na parte inicial que os incidentes começaram a aparecer. Endrigo de Castro e Mauricio Alves se enroscaram e causaram a primeira bandeira amarela. O safety-car teve que entrar na pista em mais duas oportunidades durante a prova, com incidentes que, curiosamente, eram provocados por pilotos que estavam nas primeiras posições.

Além do até então vice-líder do campeonato, Pedro Humenhuk, líder da competição, teve sua corrida comprometida após cumprir penalidade, ficando uma volta atrás. Romar Arns foi outro que se envolveu em incidente e ficou pelo caminho depois de não conseguir se manter na disputa.

E após a última bandeira amarela, Jorge Destro, Well Alves e Augusto Maia apareciam no top-3 e estes eram os postulantes a vitória da noite. Mas, apesar ser perseguido até o final, Destro foi quem recebeu a bandeira quadriculada em primeiro e comemorou o triunfo. Alves e Maia completaram o pódio. Mais atrás, fechando o top-5, chegaram Humenhuk e Vera Silva, já a uma volta do vencedor.

O quarto lugar garantiu a permanência de Pedro Humenhuk na liderança do campeonato. O piloto da Falcon Motorsports lidera com 74 pontos, 17 a mais que Well Alves, que é segundo com 57. Mauricio Alves fecha o top-3 somando 52 tentos. A classificação completa de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima etapa da Nascar Light será realizada no oval Phoenix (2008) [A], no dia 14 de novembro, às 20h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, Nuuvem, Poesia Perfumes, RealGame, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 50 minutos

1 Jorge Destro (Falcon Motorsports), 48 voltas
2 Well Alves (SUB Racing), +0:00.124
3 Augusto Maia (Grip Racing), +0:00.167
4 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), +1 volta
5 Vera Silva (G-Force Motorsports), +1 volta
6 Rodrigo Luiz (Factory Assault), +3 voltas
7 Endrigo de Castro (Overtake Racing), +4 voltas
8 Bruno Vasconcelos (SUB Racing), +10 voltas
9 Ricardo Pereira (Clube do Volante), +11 voltas
10 Marson Esgrinholi (Mondial Racing), +13 voltas
11 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), Abandono (26)
12 Mauricio Alves (Mondial Racing), +28 voltas
13 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), Abandono (17)
14 Geovani Prechesniuki (GP Motorsports), Abandono (2)
Volta mais rápida: Pedro Humenhuk, 0:47.341

Race control

Pedro Humenhuk, Warning – Chat durante a sessão (17.1.4) [+1 Licença][0]
Bruno Vasconcelos, End of Line – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença][1]
Incidente entre Endrigo de Castro e Mauricio Alves – Nenhuma ação tomada.[2]
Pedro Humenhuk, Warning – Chat durante a sessão (17.1.4) [+1 Licença][3]
Endrigo de Castro, Warning – Entrada/saída irregular nos boxes sem ganho (17.1.6) [+1 Licença][7]
Incidente entre Rodrigo Luiz e Jorge Destro – Nenhuma ação tomada.[10]
Incidente entre Romar Arns e Rodrigo Luiz – Nenhuma ação tomada.[17]
Pedro Humenhuk, Stop-And-Go 10s – Incidente de nível 3 (17.3.1) [+3 Licença][17]
Bruno Miranda, Warning – Chat durante a sessão (17.1.4) [+1 Licença][26]
Rodrigo Luiz, Stop-And-Go 10s – Incidente de nível 3 (17.3.1) [+3 Licença][26]

Pontos nas licenças

Pedro Humenhuk +5
Rodrigo Luiz +3
Bruno Vasconcelos +2
Endrigo de Castro +1
Bruno Miranda +1

Vídeo da etapa

More in Corridas