Connect with us

Corridas

F1BC Nascar Light 2017/3 @ Daytona

F1BC Nascar Light 2017/3 @ Daytona

O campeão da Nascar Light já havia sido definido na etapa anterior, mas isso não interferiu na etapa final da noite desta terça-feira (12). Em uma boa corrida disputada na versão antiga do oval de Daytona, sem nenhuma bandeira amarela, o vencedor da prova foi justamente o que conquistou o título da temporada 2017/3 da categoria: Pedro Humenhuk. O piloto da Falcon Motorsports passou susto na última volta, mas subiu ao lugar mais alto do pódio, tendo a companhia de Bruno Miranda, vice-campeão, e Vera Silva.

Na classificação, Well Alves foi quem garantiu a pole-position após ser mais rápido que Maurício Alves, Vera Silva e o já campeão Pedro Humenhuk. Jorge Destro, Bruno Miranda, Ricardo Pereira, Rodrigo Luiz e Endrigo de Castro completaram o grupo dos nove presentes no grid de largada da noite.

Classificação
1 Well Alves (SUB Racing), 50.828
2 Mauricio Alves (Mondial Racing), 50.835
3 Vera Silva (G-Force Motorsports), 50.847
4 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 50.866
5 Jorge Destro (Falcon Motorsports), 50.884
6 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), 51.336
7 Ricardo Pereira (Clube do Volante), Sem tempo
8 Rodrigo Luiz (Factory Assault), Sem tempo
9 Endrigo de Castro (Overtake Racing), Sem tempo

A corrida começou com uma boa largada, com os nove carros bem próximos e já disputando posições. Jorge Destro e Rodrigo Luiz foram os destaques deste início, pulando para a primeira e segunda posições, respectivamente. Mas foi com estes os pilotos o primeiro incidente da prova, que foi iniciado por um toque de Well Alves. O entrevero não acionou a bandeira amarela e rendeu uma penalização de ‘stop-and-go’ para Well.

Agora quem apareci na disputa pela liderança era Pedro Humenhuk e Vera Silva. Atrás, seguiam Maurício Alves e Bruno Miranda, que brigavam pelo vice-campeonato da categoria. O que chamou a atenção na etapa era como os pilotos se juntavam facilmente. Rodrigo Luiz, por exemplo, estava entre Humenhuk e Vera, mas era retardatário.

As paradas nos boxes também movimentaram a prova, principalmente quando Pedro Humenhuk, Vera Silva, que liderava a corrida neste momento, Bruno Miranda e Well Alves tiveram problemas na entrada do pitlane. Maurício Alves também teve contratempos e passou mais uma vez pela área dos mecânicos.

Mesmo perdendo tempo na entrada dos boxes, era Pedro Humenhuk quem liderava a corrida agora. Pela vantagem, parecia que a prova estava decidida, mas Endrigo de Castro, que havia feito seu pitstop antes dos demais competidores, encostou no piloto da Falcon Motorsports, iniciando mais um duelo, mas agora pela vitória.

Entretanto, na briga da última volta, Pedro Humenhuk e Endrigo de Castro se enroscaram em um ‘netcode’. O campeão da temporada da categoria dos Truck Silverado conseguiu se manter na pista e venceu a etapa final, fechando o campeonato com vitória. Endrigo ficou com o carro muito avariado, mas ainda passou na linha de chegada em quarto. Entre os dois, completaram Bruno Miranda, que se confirmou como vice-campeão, e Vera Silva. Ricardo Pereira foi quinto e terminou no terceiro lugar do certame.

O F1 Brasil Clube parabeniza Pedro Humenhuk pelo título, Bruno Miranda pelo vice-campeonato e Ricardo Pereira pelo terceiro lugar, além da Falcon Motorsports, campeã entre as equipes. A classificação final de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

Na próxima temporada, a Nascar Light dará lugar para a Touring Classic, que se iniciará no dia 16 de janeiro, no circuito de Interlagos (GP 2017), às 20h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

Gostou da categoria? As inscrições para a próxima temporada já estão abertas e você pode garantir a sua vaga em www.f1bc.com/inscricoes, preenchendo o formulário completo. Todos os dados serão computados no banco de dados do F1BC, que retornará com agilidade aos pedidos com as informações de pagamento e demais confirmações.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, Nuuvem, Poesia Perfumes, RealGame, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 50 minutos
1 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 60 voltas
2 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), +0:07.079
3 Vera Silva (G-Force Motorsports), +0:19.855
4 Endrigo de Castro (Overtake Racing), +0:22.306
5 Ricardo Pereira (Clube do Volante), +0:31.555
6 Mauricio Alves (Mondial Racing), +0:40.945
7 Well Alves (SUB Racing), +1 volta
8 Rodrigo Luiz (Factory Assault), +5 voltas
9 Jorge Destro (Falcon Motorsports), +7 voltas
Volta mais rápida: Endrigo de Castro, 0:47.988

Race control

Well Alves, Stop-And-Go 30s – Incidente de nível 4 (17.4.1) [+4 Licença] [3]
Jorge Destro, Warning – Chat durante a sessão (17.1.4) [+1 Licença] [6]
Ricardo Pereira, Warning – Entrada/saída irregular nos boxes sem ganho (17.1.6) [+1 Licença] [30]
Mauricio Alves, Warning – Entrada/saída irregular nos boxes sem ganho (17.1.6) [+1 Licença] [43]
Mauricio Alves, Warning – Entrada/saída irregular nos boxes sem ganho (17.1.6) [+1 Licença] [44]
Rodrigo Luiz, Warning – Entrada/saída irregular nos boxes sem ganho (17.1.6) [+1 Licença] [47]
Incidente entre Ricardo Pereira e Bruno Miranda – Nenhuma ação tomada.[49]
Ricardo Pereira, Warning – Chat durante a sessão (17.1.4) [+1 Licença] [50]
Incidente entre Pedro Humenhuk e Endrigo de Castro – Nenhuma ação tomada.(Netcod) [60]

Pontos nas licenças
Well Alves +4
Mauricio Alves +2
Ricardo Pereira +2
Jorge Destro +1
Rodrigo Luiz +1

Vídeo da etapa

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas