Connect with us

Corridas

F1BC GT Light 2018/1 @ Phillip Island

F1BC GT Light 2018/1 @ Phillip Island

Na noite desta quinta-feira (22), os bólidos GT3 da GT Light desembarcaram em Phillip Island para a disputa da terceira etapa do campeonato na temporada 2018/1 do F1 Brasil Clube. Antes mesmo da corrida, sentiu-se a ausência do líder do campeonato, Diego Boscolo. Entretanto, com o início da corrida em pista molhada, as confusões e alterações constantes no grid roubaram a atenção. E nessa adversidade, quem se saiu melhor foi Celso Andrini, que foi superior a maior parte dos 50 minutos e comemorou a primeira vitória na competição.

A classificação foi debaixo de muita água. A chuva apareceu em Phillip Island, mas não impediu que Cleber Cavalcante fosse superior aos concorrentes e cravasse a pole-position. Elias Salvino (10kg de lastro) ficou com o segundo melhor tempo, à frente de Tiago Nagao, Adelar de Vargas e Celso Andriani. Gustavo Vieira, Eduardo Emilio (10kg), Sandro Goulart (40kg), Juninho Pimentel e Leonardo Garcia (30kg) completaram o top-10 do grid de largada.

Classificação
1 Cleber Cavalcante (SUB Racing), 1:38.574
2 Elias Salvino (Nurbur Racing), 1:39.377
3 Tiago Nagao (SUB Racing), 1:39.620
4 Adelar de Vargas (Grip Racing 2), 1:39.653
5 Celso Andriani (Grip Racing), 1:41.559
6 Gustavo Vieira (SUB Racing 2), 1:42.323
7 Eduardo Emilio (Evolution Racing Team), 1:42.571
8 Sandro Goulart (Grip Racing), 1:42.964
9 Juninho Pimentel (SUB Racing 2), 1:43.144
10 Leonardo Garcia (Hot Track Racing), 1:43.384
11 Alex Martins (Red Arrow Racing Team), 1:43.842
12 Leo Alves (Red Arrow Racing Team), 1:43.888
13 Mauricio Pinhal (Araucaria Racing), 1:44.394
14 Joao Warmling (Grip Racing), 1:44.849
15 Leandro Simoes (Red Arrow Racing Team), 1:45.636
16 Ronaldo Castelo (Araucaria Racing), 1:48.726
17 Henrique Bettega (Grip Racing 2), 1:49.418
18 Savio Assuncao (SUB Racing 2), 1:57.004
19 Leandro Silva (SUB Racing 2), Sem tempo

Na virada para a sessão de aquecimento, a chuva parou, entretanto, não tinha tempo hábil para que os pilotos pudessem secar a pista. Assim, a largada foi dada com o asfalto molhado, que parece ter pego alguns pilotos de surpresa. Foram alguns incidentes e muitos erros e escapadas, que levaram alguns competidores aos boxes ainda nas primeiras voltas por conta de penalizações. Foi o caso de Elias Salvino, que acabou tocando Cleber Cavalcante.

Tamanha foram as alterações que a ordem do grid não parava de mudar. Com 10 minutos de prova completados, Cleber Cavalcante já brigava para continuar na corrida, enquanto os primeiros colocados eram os que estavam mais atrás na largada, como Celso Andriani e Gustavo Vieira, 5º e 6º na classificação. Leandro Simões completava o top-3 depois de partir do 15º posto.

O tempo foi passando e, como o clima continuava sem chuva, a pista melhorava a cada volta e já um trilho de pista seca. Com o traçado molhado ou não, Celso Andrini mostrou ser o melhor carro da noite. O piloto da Grip Racing já tinha mais de 30s de vantagem na liderança bem antes de acabar a prova e só precisou administrar a diferença até o final dos 50 minutos para comemorar a vitória pela primeira vez no campeonato.

Desde o início da corrida, Alex Martins e Leo Alves, ambos da Red Arrow Racing Team, vinham conquistando posições aos poucos e conseguiram terminar em 2º e 4º, respectivamente. Entre eles, terminou Elias Salvino, que se recuperou na prova após passar pelos boxes nas primeiras voltas, pegando uma penalidade. Leandro Simões chegou em quinto, seguido de Mauricio Pinhal, Ronaldo Castelo, Eduardo Emilio, Adelar de Vargas e Henrique Bettega, que completaram o top-10 da etapa.

Mesmo ausente, Diego Boscolo permeneceu na liderança do campeonato com os mesmos 50 pontos. Celso Andriani, vitorioso da noite, pulou de 12º para a vice-liderança, chegando aos 38 tentos. João Warmling fecha o top-3 com 34. A classificação completa do campeonato de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima etapa da GT Light será realizada no circuito de Dubai, no dia 8 de março, a partir das 20h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo em HD no YouTube do F1BC. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

O F1BC tem o patrocínio de Aguiatech, Aliança Consultoria, Área Nobre Estacionamentos, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, M7Help, Poesia Perfumes, RealGame, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 50 minutos
1 Celso Andriani (Grip Racing), 32 voltas
2 Alex Martins (Red Arrow Racing Team), +0:41.198
3 Elias Salvino (Nurbur Racing), +0:43.493
4 Leo Alves (Red Arrow Racing Team), +1:18.030
5 Leandro Simoes (Red Arrow Racing Team), +1:31.653
6 Mauricio Pinhal (Araucaria Racing), +1:34.907
7 Ronaldo Castelo (Araucaria Racing), +1 volta
8 Eduardo Emilio (Evolution Racing Team), +1 volta
9 Adelar de Vargas (Grip Racing 2), +1 volta
10 Henrique Bettega (Grip Racing 2), +2 voltas
11 Sandro Goulart (Grip Racing), +2 voltas
12 Joao Warmling (Grip Racing), +3 voltas
13 Tiago Nagao (SUB Racing), Motor (27)
14 Gustavo Vieira (SUB Racing 2), Acidente (23)
15 Cleber Cavalcante (SUB Racing), Suspensão (9)
16 Savio Assuncao (SUB Racing 2), Suspensão (3)
17 Leonardo Garcia (Hot Track Racing), Abandono (2)
18 Leandro Silva (SUB Racing 2), Suspensão (0)
19 Juninho Pimentel (SUB Racing 2), Desclassificação (DQ)
Volta mais rápida: Elias Salvino, 1:31.553

Race control
Leandro Silva, Drive-Through – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença][1]
Juninho Pimentel, Drive-Through – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença][1]
Elias Salvino, Drive-Through – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença][1]
Alex Martins, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][2]
Cleber Cavalcante, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][3]
Ronaldo Castelo, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][4]
Tiago Nagao, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][4]
Incidente entre Alex Martins e Mauricio Pinhal – Nenhuma ação tomada.[5]
Eduardo Emilio, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][5]
Incidente entre João Warmling e Elias Salvino – Nenhuma ação tomada.[9]
Elias Salvino, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][10]
Incidente entre Adelar de Vargas e Leo Alves – Nenhuma ação tomada.[14]
Eduardo Emilio, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][19]
Incidente entre Henrique Bettega e Gustavo Vieira – Nenhuma ação tomada.[20]
Incidente entre Gustavo Vieira e Henrique Bettega – Nenhuma ação tomada.[22]
Gustavo Vieira, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][24]
Elias Salvino, Drive-Through – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença][24]

Pontos nas licenças
Elias Salvino +5
Leandro Silva +2
Juninho Pimentel +2
Alex Martins +1
Cleber Cavalcante +1
Ronaldo Castelo +1
Tiago Nagao +1
Eduardo Emilio +2
Gustavo Vieira +1

Vídeo da etapa

More in Corridas