Connect with us

F1BC Cup Pro 2008/1 @ Monza

Quando a quantidade não é o forte, a qualidade trata de se mostrar o ponto forte no F1 Brasil Challenge. Sete pilotos apareceram para esta etapa de Monza, disputada portanto em server único, e emoções não faltaram, em um final de semana que viu Carlos Junior e Rodrigo Wizard aumentando as chances de título em relação a Felipe Augusto, que esteve ausente.

QUALIFYING – Com essa quase ninguém contava. A lenda de que não é possível baixar de 1 minuto e 20 segundos uma volta em Monza finalmente caiu por terra, com o paraense Carlos Junior estabelecendo o recorde absoluto de 1:19.800 cravados. O segundo lugar também surpreendeu, com Fernando Passos mostrando porque Monza é seu Home Race. Cassius Naves e Rodrigo Wizard formaram a segunda fila, e Leonardo Schuskel e Luis Morais a terceira, separados por míseros quatro milésimos!

Qualifying
1 Carlos Junior (PA/McLaren), 1:19.800
2 Fernando Passos (RJ/Spyker), 1:20.200
3 Cassius Naves (MG/BMW Sauber), 1:20.548
4 Rodrigo Wizard (SP/Honda), 1:20.650
5 Leonardo Schuskel (SP/Honda), 1:20.692
6 Luis Morais (SP/Toro Rosso), 1:20.696
7 Gabriel Zanchetta (SP/Super Aguri), 1:21.620

FEATURE RACE – Largada sem maiores problemas, apenas com um princípio de confusão entre Passos e Junior, onde o carioca teve de cortar a chicane para evitar uma colisão, mas devolveu posições mais à frente. Rodrigo Wizard tentou tomar a Curva Grande por fora, e Cassius Naves por dentro acabou impedindo a passagem da Honda, que deu um belo passeio pela terra.

Carlos Junior então liderava, mas errou na primeira curva di Lesmo, caindo três posições. A ordem então era: Cassius, Gabriel, Rodrigo, Junior, Fernando, Luis e Leonardo, estes dois últimos abandonando: Schuskel por levar batida e ficar sem a asa, e Morais por julgar não ter condições de jogo, já que seu equipamento provocou a colisão com o adversário.

Mais à frente, em disputa pela liderança, Cassius saiu mal da Variante Ascari e permitiu que Gabriel e Rodrigo colassem. O lance capital veio na reta oposta, portanto: Gabriel passou Cassius, e Rodrigo aproveitou para embutir no vácuo do mineiro e ganhar velocidade. Este, por sua vez, tentou pegar o vácuo de Gabriel, ficando ambos por fora, ambos deixando Wizard livre por dentro para tomar a Parabolica na frente e assumir a liderança de vez! Ainda na freada, Naves tirou o pé para não acertar Zanchetta, e então perdeu terreno.

O segundo bloco então se formou, e mais uma briga tripla, agora entre Gabriel, Junior e Fernando, os três dividindo a reta principal! Junior levou a melhor no jogo de vácuo e assumiu a segunda posição, com Gabriel em terceiro. A reação de Junior pra cima de Wizard parecia certa, quando os pit-stops chegaram e Wizard parou uma vota mais tarde, ganhando um refresco de alguns segundos de vantagem a mais.

Com isso, Wizard conseguiu terminar as últimas voltas controlando a vantagem para Junior, que vinha caindo. Passos em seu Home Race subiu no pódio, ao ultrapassar Zanchetta, e Naves completou o Top 5.

Feature Race – Final, 15 voltas
1 Rodrigo Wizard (SP/Honda), 21:10.030 (média de 244.53 km/h)
2 Fernando Passos (RJ/Spyker), +9.025
3 Gabriel Zanchetta (SP/Super Aguri), +19.219
4 Carlos Junior (PA/McLaren), +2.061 [+30s penalty]
5 Cassius Naves (MG/BMW Sauber), +48.345
– Luis Morais (SP/Toro Rosso), DNF (6) [+30s penalty]
– Leonardo Schuskel (SP/Honda), DNF/Accident (3)
Fastest lap: Carlos Junior (PA/McLaren), 1:20.753

Explicação de punições
L.Morais: +30s (colisão em L.Schuskel causando danos)
C.Junior: +30s (colisão em G.Zanchetta causando danos)

SPRINT RACE – Grid invertido e mais emoções. Gabriel e Rodrigo espalharam e ficaram para trás, enquanto Fernando, Cassius e Junior estavam colados disputando a liderança, ora da BMW Sauber, ora da Spyker. Mas quem se deu melhor mesmo foi a McLaren de Junior, que aproveitou a bobeira dos dois adversários e passou ambos para assumir a liderança ao final da primeira volta.

Naves rodou na segunda chicane e caiu para quinto, e Wizard partiu para cima de Passos, ensaiando uma ultrapassagem na terceira volta, sem sucesso, após ótima defesa do carioca. Ao final, os pilotos pareciam contentes com suas posições, sendo que Junior venceu, com Passos em segundo e Wizard em terceiro, tirando o pé na volta final para poupar o motor, que estava sobreaquecendo. Gabriel chegou em quarto, e Cassius em quinto.

Sprint Race – Final, 5 voltas
1 Carlos Junior (PA/McLaren), 6:49.741 (média de 252.65 km/h)
2 Fernando Passos (RJ/Spyker), +2.629
3 Rodrigo Wizard (SP/Honda), +6.825
4 Gabriel Zanchetta (SP/Super Aguri), +7.617
5 Cassius Naves (MG/BMW Sauber), +13.146
– Luis Morais (SP/Toro Rosso), DNS
– Leonardo Schuskel (SP/Honda), DNS
Fastest lap: Fernando Passos (RJ/Spyker), 1:20.352

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas