Connect with us

F1BC Cup Pro 2008/1 @ Spa-Francorchamps

Foram 10 os que compareceram ao autódromo de Spa-Francorchamps, na Bélgica. E o líder do campeonato, Carlos Júnior viu seu até então maior concorrente Felipe Augusto faltar novamente, tendo a chance de poder se isolar na liderança do campeonato. Porém, os demais ponteiros da tabela trataram de suprir esta falta e deram um show, sendo que a corrida foi realizada em apenas um Server, mostrando um avanço na emoção e disputa do F1BC.

QUALIFYING – Carlos Junior simplesmente detonou os adversários. Botou mais de um segundo em Passos, que fez um bom tempo e fechou a primeira fila, repetindo os primeiros lugares de Montreal. E não é que até a segunda fila foi igual? Kolachinski e Wizard também repitiram o resultado da etapa passada e formaram a segunda fila, seguido pelos dois Gabriel: Sarmento e Zanchetta, na ordem. Leonardo Schuskel reapareceu e conseguiu marcar um tempo competitivo, deixando Eduardo Azeredo e Luis Morais para trás, enquanto Ganecci teve problemas na conexão e não conseguiu registrar voltas, mas correu normalmente nas Races.

Qualifying
1 Carlos Junior (PA/McLaren), 1:43.890
2 Fernando Passos (RJ/Spyker), 1:44.999
3 Sergio Kolachinski (PR/Ferrari), 1:45.059
4 Rodrigo Wizard (SP/Honda), 1:45.556
5 Gabriel Sarmento (ES/Williams), 1:45.829
6 Gabriel Zanchetta (SP/Super Aguri), 1:45.988
7 Leonardo Schuskel (SP/Honda), 1:46.169
8 Luis Morais (SP/Toro Rosso), 1:46.246
9 Eduardo Azeredo (RJ/Ferrari), 1:48.453
10 Deco Ganecci (SP/Toyota), sem tempo

FEATURE RACE – Logo na largada, alguns pilotos surpreenderam positivamente, como Kolachinski, que assumiu a liderança, e Azeredo que deu um pulo e passou três adversários, e negativamente, como Ganecci que errou a freiada e bateu, enquanto Morais rodou sozinho antes da curva. Os pilotos que tinham se afastado um pouco mais como Junior e Passos acabaram se colando ao resto do grupo após a subida da Eau Rouge. No retão, mais emoção: Wizard dá o bote em Schuskel, em Passos, pega o vácuo de Zanchetta e ultrapassa tanto o piloto da Super Aguri quanto Junior, da McLaren, na freada da Les Combes. Quatro adversários em uma reta! Ainda por lá, Passos rodou, e Junior acabou se enrolando e tocando em Azeredo. Logo, a ordem era: Kolachinski, Wizard e Zanchetta.

Quem estava atrás de seus primeiros pontos era Schuskel, que vinha bem, na quarta posição, pressionando Zanchetta, e acaba rodando sozinho, sendo ultrapassado por Morais. A partir daí os dois começam a brigar pela quinta colocação, e foram assim por três voltas, até que Morais acidentalmente acerta a traseira de Schuskel, arrancando a asa traseira do piloto da Honda, que teve sua corrida totalmente prejudicada após isso. E quem também saiu por baixo desta vez foi Carlos Junior, atual líder da competição, ao ser tocado por vários concorrentes, como Zanchetta, Azeredo e o próprio Schuskel.

Kolachinski completa a lista dos menos sortudos, já que vinha brigando com Wizard pela liderança quando, de repente, escapa da pista (causado por um LAG) e perde a asa traseira, deixando preciosos segundos nos boxes, e a chance de disputar o triunfo. O paranaense liderou sete das 13 voltas, em uma ótima apresentação.

Mesmo com tudo isso, a corrida se decidiu nos boxes. Kolachinski estava a cerca de três segundos de vantagem de Wizard, quando ambos entraram para o reabastecimento e troca de pneus. No limite, o atual tricampeão saiu logo à frente do piloto da Ferrari, ganhando então a liderança. Uma outra briga boa que aconteceu depois das paradas do pit stop foi entre os cariocas Passos e Azeredo: o piloto da Spyker tentava a todas custas ultrapassar o adversário da Ferrari, mas acabava rodando ou perdendo tempo fora da pista. Uma destas rodadas foi crucial, e Passos perdeu a asa dianteira e comprometeu de vez sua corrida.

No final, ganhou quem conseguiu unir muito bem velocidade com constância. Rodrigo Wizard conquistou seu primeiro triunfo em Feature Races na temporada, após se aproveitar dos erros adversários e se manter na frente com ótimo ritmo, em uma vitória cheia de comemoração. Júnior conseguiu se recuperar e terminou em segundo, enquanto Zanchetta, também na dele, completou o pódio.

Feature Race – Final, 13 voltas
1 Rodrigo Wizard (SP/Honda), 23:55.236 (média de 225.89 km/h)
2 Carlos Junior (PA/McLaren), +7.497 [+10s penalty]
3 Gabriel Zanchetta (SP/Super Aguri), +25.560
4 Luis Morais (SP/Toro Rosso), +42.359 [+10s penalty]
5 Eduardo Azeredo (RJ/Ferrari), +58.216
6 Sergio Kolachinski (PR/Ferrari), +1:23.812
7 Fernando Passos (RJ/Spyker), +1:32.163 [+10s penalty]
8 Leonardo Schuskel (SP/Honda), +2 laps [+10s penalty]
9 Deco Ganecci (SP/Toyota), DNF/Accident (10)
10 Gabriel Sarmento (ES/Williams), DQ
Fastest Lap: Carlos Junior (PA/McLaren), 1:45.711

Explicação de punições
Gabriel Sarmento: DQ (não cumpriu largada dos boxes)
Carlos Junior: +10s (batida em E.Azeredo, sem danos maiores)
Leonardo Schuskel: +10s (batida em C.Junior, sem danos maiores)
Fernando Passos: +10s (batida em C.Junior, sem danos maiores)
Luis Morais: +10s (batida em L.Schuskel, reduzida devido ao LAG)
* Os pilotos listados acima estão sob alerta na próxima etapa.

SPRINT RACE – Com as posições invertidas, há muitas disputas. Passos se aproveitou de ter terminado um pouco atrás na Feature e disparar na frente. Mas, aos poucos, Júnior foi encostando, seguido por Kolachinski, Zanchetta e Wizard. Atrás, Azeredo vinha mantendo a sexta colocação, enquanto Schuskel novamente foi tocado pAra fora, dessa vez por Sarmento. Quem vinha em corrida de recuperação era Morais, que após outra largada ruim, foi atrás do prejuizo, e ultrapassou Ganecci e Sarmento.

Morais poderia ultrapassar Azeredo, na Eau Rouge, na última volta, mas rodou, batendo forte no muro. Sarmento aproveitou e ultrapassou os dois, mas logo depois bateu em Junior, e tirando dois da corrida foi desqualificado. E seria estranho ele encostar em Júnior sem mencionar como o até então segundo colocado foi cair tanto: o piloto da McLaren tocou em Passos na disputa pela liderança, fez o carioca rodar, bater e quase abandonar, mas esperou o piloto da Spyker voltar à pista, e de nada adiantou, pois acabou não terminando graças a Sarmento.

Quem se aproveitou do toque entre os líderes foi Sergio Kolachinski, que ganhou a Sprint e levou mais um troféu para casa. Wizard e Zanchetta, que roubaram a cena em uma disputa com direito a trocas de posições durante as quatro voltas, fecheram o pódio.

Sprint Race – Final, 4 voltas
1 Sergio Kolachinski (PR/Ferrari), 7:15.006 (média de 229.32 km/h)
2 Gabriel Zanchetta (SP/Super Aguri), +2.433
3 Rodrigo Wizard (SP/Honda), +2.821
4 Eduardo Azeredo (RJ/Ferrari), +9.947
5 Deco Ganecci (SP/Toyota), +13.175
6 Fernando Passos (RJ/Spyker), +37.920
7 Luis Morais (SP/Toro Rosso), +1:57.095
8 Carlos Junior (PA/McLaren), DNF/Accident (3) [+30s penalty]
9 Leonardo Schuskel (SP/Honda), DNF/Accident (1)
10 Gabriel Sarmento (ES/Williams), DQ
Fastest Lap: Carlos Junior (PA/McLaren), 1:45.883

Explicação de punições
Gabriel Sarmento: DQ (bateu em L.Schuskel e C.Junior, ambos com abandono)
Carlos Junior: +30s (batida em F.Passos com dano, reduzida por esperar adversário)
* Os pilotos listados acima estão sob alerta na próxima etapa.

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas