F1BC Indy Pro 2009/1 @ Long Beach

Em etapa realizada na última segunda-feira (16/2), o F1BC Indy 2 comprovou sua emoção e competitividade em todas as situações possíveis, ao partir para a difícil corrida virtual nas ruas de Long Beach, Estados Unidos. Dentre os 23 carros presentes, coube ao paraense Carlos Junior, que já havia levado a melhor na categoria Pro no domingo, faturar também o primeiro lugar na Indy.

Quem surpreendeu na classificação foi o paulista Daniel Maloni, o único a entrar na casa dos 1min05s em uma volta rápida. Carlos Junior fez o segundo melhor tempo, seguido por Daniele Ferraz, Eduardo A.Marques, Carlos Cunha, Ernesto Brock e Rodrigo Wizard.

Qualifying
1 Daniel Maloni (PacWest), 1:05.880
2 Carlos Junior (Galles), 1:06.007
3 Daniele Ferraz (Walker), 1:06.326
4 Eduardo Marques (Payton-Coyne), 1:06.556
5 Carlos Cunha (Green), 1:06.614
6 Ernesto Brock (Ganassi), 1:06.642
7 Rodrigo Wizard (Forsythe), 1:07.014
8 Luis Morais (Bettenhausen), 1:07.044
9 Andre Chiara (PacWest), 1:07.178
10 Fernando Passos (Tasman), 1:07.301
11 Diogo Tenan (Tasman), 1:07.327
12 Guilherme Cossiolo (Arciero-Wells), 1:07.562
13 Fabio Neris (Ganassi), 1:07.581
14 Gean Celso (Galles), 1:08.403
15 Marcelo Vidal (Dick Simon), 1:08.542
16 Douglas Santana (Pagan), 1:08.667
17 Vinicios Da Matta (Foyt), 1:08.973
18 Larcio Medina (Comptech), 1:09.329
19 Leandro Craveiro (Dick Simon), 1:09.748
20 Ricardo Rossi (Dick Simon), 1:09.896
21 Alex Moreira (Patrick), 1:11.077
22 Gustavo Kerlahkian (Newman-Haas), sem tempo

A corrida teve de fato três postulantes à vitória. Daniel Maloni, Carlos Cunha e Junior constantemente ultrapassavam um ao outro, e revezavam a liderança, mas o pole-position foi o primeiro a dar bobeira, ainda na volta 16, acertando um retardatário que estava atravessado na reta oposta.

A briga então passou a ser de duas estratégias diferentes. Cunha faria três paradas para reabastecimento de troca de pneus durante as 60 voltas, enquanto Junior apenas duas, contendo então o ritmo mais forte do adversário com sucesso. Ambos cometeram erros e foram atrapalhados por retardatários, mas Junior conseguiu se sobressair com 18 segundos de vantagem.

Daniel Maloni, apesar do acidente, teve uma grande recuperação e foi o terceiro. Ernesto Brock foi o quarto colocado, superando André Chiara, este fazendo uma estratégia arriscada para uma corrida conservadora, largando dos boxes, fugindo de acidentes e conseguindo uma surpreendente quinta posição.

A próxima etapa será disputada no dia 2 de março, no velocíssimo oval de Talladega, e terá novamente a transmissão da etapa ao vivo através da RaceBrasil.com.br, a partir das 21h30 (horário de Brasília).

Corrida – Final, 60 voltas
1 Carlos Junior (Galles), 1:10:38.758
2 Carlos Cunha (Green), +18.397
3 Daniel Maloni (PacWest), +1 volta
4 Ernesto Brock (Ganassi), +2 voltas
5 Andre Chiara (PacWest), +2 voltas
6 Fernando Passos (Tasman), +2 voltas [+15s]
7 Rodrigo Wizard (Forsythe), +3 voltas
8 Daniele Ferraz (Walker), +4 voltas
9 Vinicios Da Matta (Foyt), +4 voltas [+15s]
10 Diogo Tenan (Tasman), +5 voltas
11 Gean Celso (Galles), +7 voltas [+5s]
12 Ricardo Rossi (Dick Simon), +9 voltas
— Eduardo Marques (Payton-Coyne), DNF (31) [+15s]
— Leandro Craveiro (Dick Simon), DNF/Suspensão (11)
— Douglas Santana (Pagan), DNF (11)
— Alex Moreira (Patrick), DNF/Acidente (10)
— Guilherme Cossiolo (Arciero-Wells), DNF/Suspensão (5)
— Marcelo Vidal (Dick Simon), DNF/Suspension (4)
— Luis Morais (Bettenhausen), DNF (3)
— Fabio Neris (Ganassi), DNF/Suspensão (3)
— Gustavo Kerlahkian (Newman-Haas), DNF/Suspensão (0)
— Larcio Medina (Comptech), DNS
Volta mais rápida: Daniel Maloni, 1:06.014

Punições
V.Da Matta +15s, batida em D.Santana (volta 0)
E.Marques +15s, batida em R.Wizard (volta 12)
G.Celso +5s, toque em E.Brock (volta 14)
F.Passos +15s, retorno à pista causando bloqueio (volta 32)
*Pilotos que abandonaram a prova receberão a punição ao final da próxima que completarem.

Alertas
R.Rossi, movimento brusco sob bandeira azul (volta 12)
L.Craveiro, movimento brusco sob bandeira azul (volta 15)
R.Wizard, movimento brusco sob bandeira azul (volta 17)
G.Celso, não desacelerou em bandeira amarela (volta 32)
V.Da Matta, não desacelerou em bandeira amarela (volta 32)