Connect with us

Corridas

F1BC Nascar Pro 2018/1 @ Auto Club

F1BC Nascar Pro 2018/1 @ Auto Club

Os Trucks da Nascar Pro chegaram ao oval speedway Auto Club para a disputa da segunda etapa do campeonato na temporada 2018/1 do F1 Brasil Clube. Apesar das 4 bandeiras amarelas, os pilotos deram mais um espetáculo na noite desta segunda-feira (15), com uma corrida de altíssimo nível que teve, ao final, Ale Laska como vencedor. Junior Borborema e Rafael Hubie completaram o pódio.

Ale Laska começou bem a noite marcando a pole-position. Junior Borborema completou a primeira fila com o segundo melhor tempo da classificação. Rafael Hubie, Romar Arns e Bruno Barbugli apareciam na sequência. Paulo Cezar Villas Boas, Marcelo Fernandes, Mike Ramos, Rodrigo Berte e Pedro Humenhuk completaram o top-10 do grid de largada, que contou com 16 bólidos.

Classificação
1 Ale Laska (Falcon Motorsports), 41.031
2 Junior Borborema (DR Racers), 41.053
3 Rafael Hubie (Bravus eMotorsport), 41.065
4 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), 41.099
5 Bruno Barbugli (Falcon Motorsports), 41.105
6 Paulo Cezar Villas Boas (HGT Brasil), 41.129
7 Marcelo Fernandes (Bravus eMotorsport), 41.147
8 Mike Ramos (Bravus eMotorsport), 41.184
9 Rodrigo Berte (Galaxy SimRacing), 41.225
10 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 41.275
11 Leandro Moreira (Mondial Racing), 41.525
12 Alysson Pereira (Independente), Sem tempo
13 Vera Silva (G-Force Motorsports), Sem tempo
14 Francisco Junior (Sinister Race Team), Sem tempo
15 Allan Botelho (Countdown Racing), Sem tempo
16 Endrigo de Castro (Paraguay Racing AV), Sem tempo

A bandeira verde foi agitada e os pilotos começaram a segunda etapa com uma boa largada. Rafael Hubie levou a melhor ao largar na linha de dentro e assumiu a 2ª posição. O pole-position Ale Laska se manetev na ponta e quando começava a abrir vantagem, Pedro Humenhuk e Mike Ramos se enroscaram e causaram a primeira bandeira amarela, que era pouco esperada nessa primeira parte da corrida, apesar da briga pelos pontos do primeiro estágio.

O reinício de prova foi agitado. Ale Laska conseguiu se defender na liderança, mas não demorou para Junior Borborema, que relargou muito mais rápido, assumir a ponta. Atrás dos dois, Rafael Hubie, Bruno Barbugli e Romar Arns protagonizavam a primeira boa disputa da etapa, com direito a ‘three-wide’. Mas Barbugli saiu do duelo dos primeiros colocados e passou a brigar por não levar volta depois de ser tocado por Rodrigo Berte, que havia se aproximado dos ponteiros.

Na tentativa de abrir vantagem, Junior Borborema viu, a todo o tempo, o carro de Rafael Hubie pelo seu retrovisor. E o piloto da Bravus eMotorsport conseguiu assumir a ponta logo depois e, ao final do primeiro estágio, foi ele quem levou os 10 pontos bônus. A bandeira amarela, sinalização do término desta primeira parte da prova, levou os pilotos para os boxes. Bruno Barbugli aproveitou para se recuperar e já aparecia em 11º na formação do grid para o novo reinício de corrida.

Em mais uma relargada agitada, Rafael Hubie se manteve à frente e, pelo retorvisor, viu o duelo entre Junior Borborema e Ale Laska pelo 2º posto. Logo atrás, Allan Pereira subiu para 4º, enquanto Bruno Barbugli se destacava pelo bom reinício aparecendo em 7º. Mas um incidente entre Allan Botelho e Francisco Junior causou nova bandeira amarela. Os pilotos resolveram voltar aos boxes, a exceção de Borborema, Laska e Barbugli, apontando a primeira diferença de estratégias da noite.

Junior Borborema, Ale Laska e Bruno Barbugli seguiram à frente no agito da bandeira verde. Mas Rafael Hubie apareceu entre eles e não demorou para passar por todos e assumir a liderança novamente. Foi quando a corrida entrou em uma sequência maior de voltas em bandeira verde. Hubie, Borborema, Laska, Barbugli e Alysson Pereira formavam o top-5.

Mas na volta 63, Vera Silva tocou o muro, perdeu o controle do carro e tocou em Endrigo de Castro, provocando mais uma bandeira amarela. Os pilotos aproveitaram para realizar aquelas que seriam as últimas paradas nos boxes da corrida. Quem fez um excelente trabalho no pitstop foi Barbugli, que saiu na liderança. Depois da relargada, porém, Barbugli não conseguia abrir distância de Ale Laska, Marcelo Fernandes – que também fez um bom trabalho no pitlane e voltou entre os ponteiros -, Rafael Hubie, Junior Borborema e Alysson Pereira.

E quando todos esperavam que a corrida entraria no ritmo agitado de parte final, Marcelo Fernandes deu um leve toque em Rafael Hubie e provocou mais uma entrada do safety-car. Todos os pilotos foram aos boxes para, enfim, as últimas paradas, e, no retorno, Ale Laska, Junior Borborema e Bruno Barbugli formavam o top-3. Mas nas voltas finais Laska não deu chances para ninguém, abriu vantagem na hora certa e conquistou a primeira vitória na temporada. Borborema foi segundo e em terceiro fechou Rafael Hubie, que se recuperou nos instantes derradeiros.

Bruno Barbugli terminou em quarto, seguido de Romar Arns, Alysson Pereira e Marcelo Fernandes. Rodrigo Berte, Endrigo de Castro e Vera Silva completaram o top-10 da etapa.

O campeonato continua com Junior Borborema na liderança, somando 90 pontos. Em seguida, aparecem Rafael Hubie e Ale Laska, com 86 e 85, respectivamente. A classificação completa do campeonato de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima etapa da Nascar Pro será realizada no oval de Milwaukee [LA], no dia 22 de janeiro, a partir das 22h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo em HD no YouTube do F1BC. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

Gostou da categoria? As inscrições ainda estão abertas e você pode garantir a sua vaga em www.f1bc.com/inscricoes, preenchendo o formulário completo. Todos os dados serão computados no banco de dados do F1BC, que retornará com agilidade aos pedidos com as informações de pagamento e demais confirmações.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Doutor Lubrifica, Fanatec, Logitech, Nuuvem, Poesia Perfumes, RealGame, Área Nobre Estacionamentos, M7Help, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 100 voltas
1 Ale Laska (Falcon Motorsports), 100 voltas
2 Junior Borborema (DR Racers), +0:00.670
3 Rafael Hubie (Bravus eMotorsport), +0:01.296
4 Bruno Barbugli (Falcon Motorsports), +0:01.621
5 Romar Arns (Escuderia Sul-Brasil), +0:02.102
6 Alysson Pereira (Independente), +0:02.173
7 Marcelo Fernandes (Bravus eMotorsport), +0:03.827
8 Rodrigo Berte (Galaxy SimRacing), +0:08.319
9 Endrigo de Castro (Paraguay Racing AV), +0:08.874
10 Vera Silva (G-Force Motorsports), +0:10.076
11 Leandro Moreira (Mondial Racing), +0:29.619
12 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), +1 volta
13 Allan Botelho (Countdown Racing), +2 voltas
14 Paulo Cezar Villas Boas (HGT Brasil), Abandono (67)
15 Francisco Junior (Sinister Race Team), Abandono (32)
16 Mike Ramos (Bravus eMotorsport), Abandono (3)
Volta mais rápida: Ale Laska, 0:41.136
Hattrick para Ale Laska.

Pontos bônus – 1º estágio
Rafael Hubie – 10 pontos
Junior Borborema – 9 pontos
Ale Laska – 8 pontos
Marcelo Fernandes – 7 pontos
Paulo Cezar Villas Boas – 6 pontos
Alysson Pereira – 5 pontos
Romar Arns – 4 pontos
Endrigo de Castro – 3 pontos
Vera Silva – 2 pontos
Francisco Junior – 1 ponto

Race control

Incidente entre Mike Ramos e Pedro Humenhuk – Nenhuma ação tomada. [3]
Leandro Moreira, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença] [3]
Análise de possível problema de conexão de Romar Arns. [10]
Allan Botelho, Stop-And-Go 30s – Incidente de nível 4 (17.4.1) [+4 Licença] [32]
Análise de possível problema de conexão de Romar Arns. [54]
Vera Silva, End Of Line – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença] [32]
Marcelo Fernandes, End Of Line – Incidente de nível 2 (17.2.1) [+2 Licença] [80]

Pontos nas licenças
Allan Botelho +4
Vera Silva +2
Marcelo Fernandes +2
Leandro Moreira +1

Vídeo da etapa

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas