Connect with us

F1BC Cup Light 2008/3 @ Spa-Francorchamps

A categoria mais equilibrada e imprevisível da atualidade no F1 Brasil Challenge chegou a sua quinta etapa em Spa-Francorchamps. Quando todos esperavam a chuva, veio a constatação de clima seco para a prova.

Na classificação, as BMW Sauber não decepcionaram, se redimiram com a torcida e se colocaram na primeira fila, com Jonatan Pelisoli e Lucas Machado, respectivamente. Fernando Igor e Matheus Araujo dividiram a segunda fila.

Qualifying
1 Jonatan Pelisoli (BMW Sauber), 1:47.763
2 Lucas Machado (BMW Sauber), 1:47.883
3 Fernando Igor (Toyota), 1:48.733
4 Matheus Araujo (Honda), 1:49.503
5 Gustavo Kerlakhian (Toro Rosso), 1:50.089
6 Moises Pereira (Williams), 11:50.393
7 Diogo Leal (Ferrari), 1:51.394
8 Renato Chiara (Toro Rosso), 1:51.577
9 Alessandro Sartorelli (Red Bull), 1:51.751
10 Fabio Trindade (Red Bull), 1:51.905
11 Helio Neto (McLaren), 1:52.743
12 Danilo Crestani (Honda), 1:55.729
13 Matheus Habitzreuter (Toyota), 2:08.417
14 Wesley Sandes (Force India), sem tempo
15 Claudio Da Silva (Williams), sem tempo

FEATURE RACE – Lucas manteve a liderança após a primeira curva, seguido por Fernando, Diogo, Matheus, Moisés e Renato. Enquanto isso, Jonatan e Gustavo largavam dos boxes, por causarem relargadas com incidentes. Ainda nos primeiros momentos da corrida, Fernando rodou e perdeu a posição para Diogo, e Matheus rodou na Pouhon, caindo algumas posições.

A BMW Sauber foi a primeira a parar nos boxes. Jonatan, mesmo largando dos boxes, escolheu partir mais leve, e foi o primeiro a parar. Fernando rodou na Bus Stop e perdeu tempo. Já Diogo foi o último a parar, mas nem isso fez com que ele ganhasse a posição de Lucas. Voltas depois, tivemos boas brigas por posição. Matheus errou, e Jonatan, em franca recuperação, o ultrapassou com estilo ao final da reta. Gustavo também errou e Moisés passou, mas o piloto da Toro Rosso se recuperou e partiu pra cima do adversário. Moisés contornou mais lento a Les Combes e Gustavo não conseguiu evitar o toque, e continuou na prova, agora pressionado por Fernando. Na volta seguinte e no mesmo ponto, Fernando passou Gustavo, que se manteve ao lado na saída da curva. Fernando fechou a porta mas Gustavo ainda estava do lado, e foi parar na barreira de pneus.

Quando tudo parecia definido, a maior surpresa que poderia acontecer: Machado precisou fazer um splash and go, pois o combustível não daria para completar a prova, e a vitória ficou com Diogo Leal.

No Server B, Alessandro Sartorelli larga na pole, mas queima a largada. Hélio Neto larga bem e pula de terceiro para primeiro, seguido de Fabio Trindade, Danilo Crestani e Alessandro Sartorelli, que cai de primeiro para quarto. Fabio tentava se aproximar de Hélio na primeira volta, quando escapa e perde a posição para Danilo e Alessandro, que logo depois erra e perde a posição para seu companheiro de equipe.

Fabio começa uma boa briga pela segunda posição com Danilo. Na freada da reta oposta, Fabio ganha a posição, mas perde a traseira de sua Red Bull e Danilo recupera. Na volta 3, na freada do harpin, Fabio faz enfim a ultrapassagem, Danilo sai com ação para disputar a posição na freada da reta oposta, Fabio pisa na brita e acaba tocando Danilo, que bate e perde a asa dianteira, tendo que parar nos boxes. Sartorelli também perde o bico, tendo que parar nos boxes.

A prova vinha se encaminhando bem, quando Danilo perde mais uma vez o bico de sua Honda na Eau Rouge, fazendo mais uma parada. Sartorelli herda a terceira posição para não perdê-la mais. E assim termina a prova, com Hélio Neto em primeiro, Fabio Trindade em segundo, e Alessandro Sartorelli em terceiro e Danilo Crestani em quarto.

Feature Race – Final, 13 voltas
1 Diogo Leal (Ferrari), 24:49.639
2 Lucas Machado (BMW Sauber), +14.625
3 Jonatan Pelisoli (BMW Sauber), +19.498
4 Matheus Araujo (Honda), +26.455
5 Moises Pereira (WilliamsF1 Team), +50.319
6 Gustavo Kerlahkian (Toro Rosso), +1:03.027 [+15]
7 Fernando Igor (Toyota), +47.426 [+30]
8 Renato Chiara Jr (Toro Rosso), +1:53.844
9 Helio Neto (Mclaren), 25:34.544
10 Fabio Trindade (Red Bull), +23.851 [+30]
11 Alessandro Sartorelli (Red Bull), +1:40.840
12 Danilo Crestani (Honda), +1 Lap
Fastest lap: Jonatan Pelisoli, 1:48.826

Punições
G.Kerlakhian +15s, rodou M.Pereira
F.Igor +30s, batida em G.Kerlakhian causando danos na dianteira
F.Trindade +30s, batida em D.Crestani causando danos na dianteira

SPRINT RACE – Jonatan largou melhor e assumiu a ponta, seguido de Fernando, Lucas, Gustavo, Diogo, Matheus e Renato. Moisés largou dos boxes. Já na Eau Rouge, Fernando se aproximou demais de Jonatan, perdeu o controle e acabou rodando, retornando bem à pista. Na Pouhon foi a vez de Araujo rodar e perder posições.

Diogo partiu pra cima de Gustavo, que escorregou na Stavelot e perdeu a posição. Daí em diante, os pilotos apenas se perseguiram, com destaque para Leal chegando próximo de Lucas. Jonatan Pelisoli não foi ameaçado e levou a vitória, e a dobradinha da BMW Sauber só não se concretizou por um toque de Lucas em Renato na largada, que fez Leal ganhar a segunda posição após a punição do adversário.

Com o grid invertido, Sartorelli larga bem, deixando a confusão para Danilo, Fabio e Hélio. Na freada no final da reta oposta, os três carros disputam a segunda posição, Fabio leva a melhor e Danilo a pior, perdendo duas posições e caindo para quarto. Na tentativa de se recuperar, Danilo tenta retardar a freada e bate em Hélio, e ambos rodam. No mesmo instante, as coisas mudaram também entre os carros da Red Bull: Sartoreli que vinha em primeiro e aparentemente com um carro não tão bem acertado, roda e entrega a primeira posição do Server B para seu companheiro de equipe Fabio.

Sartorelli continua em segundo, mas agora com Hélio na sua cola e, na descida para Eau Rouge, os dois estão lado a lado e a pista fica estreita para Alessandro, que acaba ficando em terceiro mas muito colado em Hélio. Na Eau Rouge, Sartorelli faz bonita ultrapassagem e deixa Hélio para trás novamente. Hélio ainda erra e Danilo também o ultrapassa, e então começa uma bela perseguição que resulta no troco em mais uma bonita ultrapassagem na freada do harpin. Hélio ainda se aproxima de Sartorelli na última volta e cruzam a linha de chegada lado a lado, Danilo chega em quarto e Fabio Trindade triunfa na Sprint do Server B.

Sprint Race – Final, 4 voltas
1 Jonatan Pelisoli (BMW Sauber), 7:19.770
2 Diogo Leal (Ferrari), +12.232
3 Lucas Machado (BMW Sauber), +11.111 [+5]
4 Gustavo Kerlahkian (Toro Rosso), +19.928
5 Matheus Araujo (Honda), +28.985
6 Moises Pereira (WilliamsF1 Team), +40.572
7 Fernando Igor (Toyota), +1:02.683
8 Renato Chiara Jr (Toro Rosso), + 1:51.566
9 Fabio Trindade (Red Bull) 7:48.460
10 Alessandro Sartorelli (Red Bull), +10.406
11 Helio Neto (Mclaren),+10.625 [+2]
12 Danilo Crestani (Honda), +15.364 [+15]
Fastest lap: Jonatan Pelisoli, 1:48.289

Punições
L.Machado +5s, toque em R.Chiara ganhando posição
D.Crestani +15s, rodou H.Neto
H.Neto +2s, cut track na Bus Stop

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas