F1BC Superclio: Nabor Patzsch (Fast Lap) vence em Suzuka e assume a ponta da tabela

F1BC Superclio 2022/3 @ Suzuka

O F1BC Superclio teve uma grande atuação dos pilotos no circuito de Suzuka, nesta última quinta-feira (21). Poucos incidentes e muitas disputas resultaram em vitória de Nabor Patzsch (Fast Lap Esports), que assume a liderança na classificação geral.

Marcio Affonso (Raptors Racing) se recuperou de um ‘drive through’ para fechar em segundo, enquanto Ricardo Pereira (Overtake Racing) segurou o desgaste de pnbeus na estratégia de apenas um pit stop para fechar o pódio. Na PRO-AM, Daniel Paulo (Grip Racing) brilhou como o mais bem colocado, enquanto na AM Paulo Henrique (Fast Lap Esports) novamente foi destaque.

Nos 10 minutos classificatórios, Marcio Affonso foi supremo ao anotar a pole position com meio segundo de vantagem sobre Nabor Patzsch, enquanto Henrique Campos foi destaque na classe PRO-AM com a terceira colocação, a frente de Paulo Henrique e Sergio Lemos. Confira o grid completo a seguir.

Classificação
1 Marcio Affonso (Raptors Racing), 2:10.639
2 Nabor Patzsch (Fast Lap Esports), 2:11.197
3 Henrique Campos (Fast Lap Esports 2), 2:11.465
4 Paulo Henrique (Fast Lap Esports), 2:11.577
5 Sergio Lemos (Hoperários Racing), 2:11.635
6 Ricardo Pereira (Overtake Racing), 2:11.813
7 Rodrigo de Sousa (Visamundo Grip Racing), 2:11.876
8 Fernando Passos (Overmind Racing), 2:11.988
9 Rogerio Pavan (Raptors Racing), 2:12.131
10 Sergio Kolachinski (Overmind Racing), 2:12.304
11 Felipe Faria (Visamundo Grip Racing), 2:12.378
12 Alan Schreiber (Fast Lap Esports), 2:12.540
13 Flavio Felicio (Visamundo Grip Racing), 2:12.861
14 Vinicius Malzone (Independente), 2:13.088
15 Juliano Rocha (Fast Lap Esports 2), 2:13.536
16 Leandro Nascimento (Independente), 2:14.041
17 Daniel Paulo (Visamundo Grip Racing 2), 2:18.408
18 Jonathan Holohan (Bravo Racing), sem tempo

Desta vez Nabor não queimou a largada, mas viu Marcio Affonso assumir a ponta e abrir até seis segundos de vantagem nos primeiros minutos de corrida, em um ritmo voador. O bom mesmo era que a primeira volta foi bastante limpa, ninguém trocou tinta, nenhum carro rodado, nada de errado no giro inicial.

Rodrigo de Sousa chegou a ser segundo colocado, mas rodou sozinho no hairpin. Erros individuais foram problema também para Felipe Faria, abaixo do viaduto, e para o líder do campeonato Sergio Kolachinski, na saída dos Esses. Os abandonos, por sua vez, ficaram por conta de Jonathan Holohan e Juliano Rocha, por incidentes isolados, e com Alan Schreiber, por problemas de conexão.

Marcio abriu tanta vantagem que ficava claro que sua estratégia seria de duas paradas. A surpresa mesmo foi a de que Nabor e outros pararam logo uma volta depois, então também tinham a mesma opção estratégica. Ricardo Pereira, Flavio Felicio e Felipe Faria pararam apenas na volta 11, sugerindo uma troca única de pneus.

No retorno de Affonso dos boxes, o piloto da Raptors teve um toque com Flavio Felicio, ambos rodaram e Flavio voltou em oitavo, enquanto Marcio cumpriu um drive through, retornando em segundo, atrás apenas de Nabor, que ganhou fôlego na corrida.

Quando a maioria parou pela segunda vez, era Ricardo Pereira quem liderava com pouco mais de 10 segundos de vantagem, com Nabor, Marcio, e Sergio Lemos voando para buscar o piloto da Overtake.

Nabor foi excepcional neste trecho final de corrida, passou Ricardo e se manteve a frente de Marcio Affonso, também muito veloz no fim, para assegurar a vitória em solo nipônico. O pódio ficou entre estes três, com Pereira sofrendo no desgaste de pneus.

Sergio Lemos fechou em quarto e Fernando Passos em quinto, dois claros destaques na noite. Sergio Kolachinski foi sexto, e Rodrigo de Sousa segurou Henrique Campos até a linha de chegada para fechar em sétimo. Felipe Faria perdeu ritmo no fim e Rogério Pavan escapou na curva Desger, e encerraram na sequência da ordem.

Final, 50 minutos
1 Nabor Patzsch (Fast Lap Esports), 24 voltas
2 Marcio Affonso (Raptors Racing), 0:01.025
3 Ricardo Pereira (Overtake Racing), 0:09.485
4 Sergio Lemos (Hoperários Racing), 0:12.257
5 Fernando Passos (Overmind Racing), 0:21.774
6 Sergio Kolachinski (Overmind Racing), 0:36.150
7 Rodrigo de Sousa (Visamundo Grip Racing), 0:49.773
8 Henrique Campos (Fast Lap Esports 2), 0:49.854
9 Felipe Faria (Visamundo Grip Racing), 0:54.671
10 Rogerio Pavan (Raptors Racing), 0:56.930
11 Leandro Nascimento (Independente), 1:38.059
12 Vinicius Malzone (Independente), +1 laps
13 Daniel Paulo (Visamundo Grip Racing 2), +1 laps
14 Paulo Henrique (Fast Lap Esports), +6 laps (DNF)
15 Flavio Felicio (Visamundo Grip Racing), +7 laps (DNF)
16 Juliano Rocha (Fast Lap Esports 2), Abandono (5)
17 Alan Schreiber (Fast Lap Esports), Abandono (5)
18 Jonathan Holohan (Bravo Racing), Abandono (2)
Volta mais rápida: Marcio Affonso, 2:11.023

“A passagem pelo F1BC Superclio por Suzuka mostrou mais uma vez a qualidade técnica dos pilotos que compõe a competição, em uma corrida de alto nível”, afirmou Rodrigo “Wizard” Steigmann, Diretor Geral do F1BC e-Sports.

O F1BC Superclio terá sua próxima etapa no dia 4 de agosto às 20h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo no canal Elleven TV. Todas as informações sobre o F1BC e-Sports você confere em www.f1bc.com.

O F1BC e-Sports realiza campeonatos oficiais de BMW, MINI, Heineken, tem patrocínio de Realdrive, Investtop XP, CriaPubli, M7Help, e tem parcerias oficiais com Amika, Elleven TV, F1 Mania, Aliança Contra Incêndio, e F1 Brasil.

Race Control
Incidente com Rogerio Pavan – Nenhuma ação tomada [1]
Analise de possível problema de conexão de Alan Schreiber.
Incidente entre Sergio Lemos e Paulo Henrique – Nenhuma ação tomada [2]
Rodrigo de Sousa, Alerta – Direção Perigosa: retornar à pista perigosamente sem maiores perdas (5.4.4) [+1 PP] [8]
Marcio Affonso, Drive Through – Incidente com prejuízos e perdas moderadas (5.5.2) [+2 PP] [10]

Pontos de Punição
Marcio Affonso +2
Rodrigo de Sousa +1

Observações
Marcio Affonso, sem classificação na próxima etapa – Atingiu 5 pontos na Licença (6.4.2)