Connect with us

Corridas

F1BC Pezzolo Indy Light 2017/2 @ Charlotte

F1BC Pezzolo Indy Light 2017/2 @ Charlotte

A terceira etapa da Pezzolo Indy Light foi um espetáculo nesta segunda-feira (12) no oval de Charlotte. Enquanto uns capricharam nos acidentes, outros se destacaram pelo forte ritmo em disputas ao final, e Beto Soussa comemorou pela primeira vez uma vitória no f1BC, desde sua estreia em 2010 no clube. Julio Moreira completou a dobradinha da Dragon Racing AV.

A tomada de tempos mostrou Bruno Miranda com o melhor tempo, seguido por Toni Andrade, Jose Godoy, Jeff Giassi e Julio Moreira no ‘Top 5’ de um total de 22 presentes nesta noite. Beto SOussa, Guilherme Secchi, Rodrigo Munhoz, Jorge Destro, Tonny Peixoto e Deco Guimarães completarama parte de cima da tabela.

Classificação
1 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), 24.536
2 Toni Andrade (Pegoraros Racing), 24.543
3 Jose Godoy (Pegoraros Racing), 24.546
4 Jeff Giassi (Factory Assault), 24.554
5 Julio Moreira (Dragon Racing AV), 24.555
6 Beto Soussa (Dragon Racing AV), 24.570
7 Guilherme Secchi (Falcon Motorsports), 24.577
8 Rodrigo Munhoz (Racing 4Fun), 24.583
9 Jorge Destro (Falcon Motorsports), 24.587
10 Tonny Peixoto (Thunder Racing), 24.590
11 Deco Guimaraes (Racing 4Fun), 24.596
12 Ale Farah (Dragon Racing AV), 24.609
13 Deivilyn Carrasco (Independente), 24.611
14 Clayton Rodrigues (SUB Racing), 24.626
15 Emerson Gresoski (Dynamic Games), 24.652
16 Bruno Pagiola (BMRS Motorsports), 24.658
17 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 24.699
18 Gabriel Preto (Factory Assault), 24.712
19 lucas Silva (Hattrick Racing), 24.755
20 Marcos DAflita (Grip Racing), 24.865
21 Marcelo Silveira (Racing 4Fun), Sem tempo
22 Leandro Silva (SUB Racing), Sem tempo

Boa largada e primeira dez voltas sem confusões em Charlotte, em um prenúncio de uma boa apresentação deste certame que reúne experientes e novatos nos ovais. O primeiro acidente foi só após este período, mas foi dos grandes: contato entre Tonny Peixoto e Guilherme Secchi, que se desenrolou para outros que tentavam desviar e levou ainda Jorge Destro e Deco Guimarães para fora da prova.

A sequência mostrou certa afobação dos pilotos nas relargadas seguintes, com toques, queimas de largada e até mesmo carros rodando na arrancada sob bandeira verde. Com isso, a maioria dos pilotos parou nos boxes, exceto os líderes. Miranda seguia a frente.

Um longo trecho sob bandeira verde foi visto até a próxima interrupção, que virou o jogo. Toni Andrade foi o único a não parar nos boxes, apostando no combustível restante para vencer, enquanto Beto SOussa, julio Moreira, José Godoy e Jeff Giassi voltaram todos a frente de Miranda, que errou a parada e perdeu tempo.

O grupo dos cinco primeiros passaria a andar junto até o final, com exceção de Toni Andrade, que a um minuto do fim compreendeu que seu combustível não seria suficiente – ele torcia por uma bandeira amarela para fechar a conta – e deixou o caminho livre para os demais.

Beto Soussa, que está no F1BC desde 2010 e já tem 127 GPs disputados, chegou a sua primeira vitória no clube, confirmando uma excelente fase desde o final do ano anterior, e entrando no hall dos vitoriosos. Julio Moreira embalou a dobradinha da Dragon Racing AV de pura comemoração, mantendo a liderança do campeonato.

José Godoy completou o pódio, seguido por Jeff Giassi, Bruno Miranda, Pedro Humenhuk, Emerson Gresoski e Marcos Daflita, todos estes na volta do líder.

A próxima etapa da Pezzolo Indy Light será realizada no circuito de Phoenix, no dia 26 de junho, às 20h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Deep Art, Fanatec, Nuuvem, RealGame, e o apoio de Canal Sim Force, F1 Brasil, F1Mania, iRacing, NRT Servers, Reiza Studios, Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 50 minutos
1 Beto Soussa (Dragon Racing AV), 88 voltas
2 Julio Moreira (Dragon Racing AV), -00.087
3 Jose Godoy (Pegoraros Racing), -00.178
4 Jeff Giassi (Factory Assault), -00.264
5 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), -3.082
6 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), -4.246
7 Emerson Gresoski (Dynamic Games), -14.655
8 Marcos DAflita (Grip Racing), -16.457
9 lucas Silva (Hattrick Racing), -2 L
10 Gabriel Preto (Factory Assault), -3 L
11 Toni Andrade (Pegoraros Racing), -4 L
12 Leandro Silva (SUB Racing), -18 L
13 Tonny Peixoto (Thunder Racing), -44 L
14 Rodrigo Munhoz (Racing 4Fun), -62 L (Abandono)
15 Bruno Pagiola (BMRS Motorsports), -66 L (Abandono)
16 Ale Farah (Dragon Racing AV), -69 L
17 Marcelo Silveira (Racing 4Fun), -69 L (Abandono)
18 Clayton Rodrigues (SUB Racing), -74 L (Abandono)
19 Deivilyn Carrasco (Independente), -80 L (Abandono)
20 Guilherme Secchi (Falcon Motorsports), -80 L (Abandono)
21 Deco Guimaraes (Racing 4Fun), -80 L (Abandono)
22 Jorge Destro (Falcon Motorsports), -80 L (Abandono)
Volta mais rápida: Gabriel Preto, 24.278

Race Control
Deivilyn Carrasco, +20s – Jump start (16.2.16) [+2 Licença] [1]
Incidente entre Tony Peixoto e Guilherme Secchi – Nenhuma ação tomada (Netcode). [9]
Incidente entre Clayton Rodrigues e Marcelo Silveira – Nenhuma ação tomada. [14]
Lucas Silva, Stop-And-Go 30s – Incidente de nível 4 (16.4.1) [+4 Licença] [20]
Gabriel Preto, Stop-And-Go 30s – Incidente de nível 4 (16.4.1) [+4 Licença] [45]

Pontos nas Licenças
Gabriel Preto +4
Lucas Silva +4
Deivilyn Carrasco +2

More in Corridas