Connect with us

Corridas

F1BC Indy Light 2016/1 @ Phoenix

F1BC Indy Light 2016/1 @ Phoenix

Quem se lembra das antigas Indy Light poderia prever uma carnificina em Phoenix, em 50 minutos desta nova competição agora com o simulador iRacing no F1 Brasil Clube. Mas a abertura da temporada 2016/1 foi muito interessante: com acerto fixo e algumas bandeiras amarelas, além de opções distintas de estratégias, o estreante nos ovais Tiado Gias entregou à Grip Racing a vitória, com Maicom Godoy da Mondial e Jorge Pezzolo, igualmente da Grip, fechando o pódio nesta segunda-feira (18).

Na classificação, os mais experientes se sobressaíram com Wagner Pegoraro na pole position, seguido por Sergio Rodrigues, Rodrigo Munhoz, e Andre Kimi. Mas os debutantes nos ovais estavam logo na sequência: Ricardo Bohadana, Maicom Godoy, e Tiago Dias formavam a sequência. Também macacos velhos, Jorge Pezzolo, Rafael David e Tonny Peixoto completaram o Top 10 de um total de 16 participantes nesta abertura de campeonato, que ainda teve algumas ausências por imprevistos. Confira a ordem completa de saída.

Classificação
1 Wagner Pegoraro (Pegoraros Racing), 21.729
2 Sergio Rodrigues (Sinister Race Team), 21.789
3 Rodrigo Munhoz (Racing 4Fun), 21.816
4 Andre Kimi (Racing 4Fun), 21.825
5 Ricardo Bohadana (Grip Racing), 21.830
6 Maicom Godoy (Mondial Racing), 21.842
7 Tiago Dias (Grip Racing), 21.872
8 Jorge Pezzolo (Grip Racing), 21.943
9 Rafael David (Pro Drivers), 21.962
10 Tonny Peixoto (Alliance Sky Racing), 22.020
11 Raphael Sabara (Black Nagata Racing Team), 22.036
12 Leandro Moreira (Mondial Racing), 22.037
13 Anderson Silva (Racing 4Fun), 22.037
14 Renan Costa (Grip Racing), 22.077
15 Celso Andriani (Hattrick Racing), 22.167
16 Jose Godoy (Pegoraros Racing), 22.266

A corrida teve um início alucinante, e algumas tentativas de ultrapassagens geraram erros individuais e até mesmo um incidente pelo famoso netcode – toque por problemas de conexão com o servidor do iRacing. A vítima: Andre Kimi, que se enroscou justamente com Tiago Dias.

Tirando este acidente, os demais foram muito por erros individuais. Rafael David chegou a perder a traseira e rodar, enquanto Ricardo Bohadana teve problemas de equipamento e seu volante travou em plena curva. Jose Godoy e Renan Costa foram outras vítimas, sem contar Raphael Sabará, sem ter como desviar de Anderson Silva, que rodou a sua frente.

Mas o abandono mais significativo foi quando Wagner Pegoraro teve problemas de conexão e deixou a liderança da prova nas mãos de Sergio Rodrigues. Mas na entrada seguinte do Safety Car o piloto da Sinister optou por um pit stop, voltando em quinto e deixando Tiago Dias na ponta.

O piloto da Grip soube aproveitar perfeitamente sua chance, e foi para a opção de não parar até o final, assim como Maicom Godoy, Jorge Pezzolo e companhia. Rodrigo Munhoz ensaiou uma parada na última bandeira amarela, para tentar voltar com força total nos giros finais, mas encontrou um Sergio Rodrigues igualmente disposto e estes ficaram no embate entre si.

Ao final, Tiago Dias mostrou que a Indy Light voltará a revelar novos talentos nos ovais para o automobilismo virtual, e levou a vitória em Phoenix. Maicom Godoy foi igualmente competente, e não arriscou uma manobra qualquer pra cima do concorrente, fechando em um ótimo segundo lugar. Jorge Pezzolo fez a estratégia conservadora, se defendeu bem dos concorrentes e completou o pódio.

A próxima etapa da Indy Light será realizada no circuito de Charlotte, no dia 1º de fevereiro, às 20h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo no site www.f1bc.com, que ainda fornece todos os resultados, classificação, informações e VTs das etapas desta e de suas outras categorias.

O F1BC tem parcerias oficiais com Câmara de Comércio e Indústria do Brasil, Soap Car, Chiara Guitar Shop, F1Mania, NRT Servers, e F1-Brasil

Final, 50 minutos
1 Tiago Dias (Grip Racing), 83 voltas
2 Maicom Godoy (Mondial Racing), +00.133
3 Jorge Pezzolo (Grip Racing), +00.605
4 Sergio Rodrigues (Sinister Race Team), +00.889
5 Rodrigo Munhoz (Racing 4Fun), +1.913
6 Leandro Moreira (Mondial Racing), +2.268
7 Celso Andriani (Hattrick Racing), +11 voltas
8 Wagner Pegoraro (Pegoraros Racing), +12 voltas
9 Rafael David (Pro Drivers), +37 voltas
10 Tonny Peixoto (Alliance Sky Racing), +51 voltas
11 Anderson Silva (Racing 4Fun), +56 voltas
12 Raphael Sabara (Black Nagata Racing Team), +56 voltas
13 Ricardo Bohadana (Grip Racing), +73 voltas
14 Renan Costa (Grip Racing), +80 voltas
15 Jose Godoy (Pegoraros Racing), +81 voltas
16 Andre Kimi (Racing 4Fun), +81 voltas
Volta mais rápida: Rodrigo Munhoz, 21.715

Race Control
Incidente envolvendo os carros de Andre Kimi e Tiago Dias – Nenhuma ação tomada. [NetCode]
Incidente envolvendo os carros de Raphael Sabará e Anderson Silva – Nenhuma ação tomada.
Celso Andriani, Drive Through – Freada imprópria, parou em local inesperado, desacelerou deliberadamente (14.2.9) [+2 Licença]

Pontos nas licenças
Celso Andriani +2

Vídeo da etapa

CONHEÇA O SOAP CAR

O Soap Car Lava-Rápido fica na Rua Jeroaquara, 66, Lapa (SP) e tem como diferencial o serviço de Leva e Traz que atende as imediações da Vila Romana e Lapa. Pensando em sua comodidade o Soap Car disponibiliza um motorista profissional, bem treinado e devidamente identificado, e basta agendar pelo tel (11) 3873-8318 e o Soap Car vai até o local desejado buscar seu veículo para realizar os serviços e devolvê-lo no mesmo local após a realização do mesmo.

More in Corridas