Connect with us

Corridas

F1BC Aliança Indy Pro 2017/2 @ Kansas

F1BC Aliança Indy Pro 2017/2 @ Kansas

A sexta e penúltima etapa da F1BC Aliança Indy Pro foi disputada na noite desta quinta-feira (3) no circuito oval do Kansas. Marco Brasil ficou com a vitória e precisará de pouco na etapa final para se sagrar campeão da categoria dos Dallara DW12 na temporada 2017/2 do F1 Brasil Clube. Adriano Fraporti e Beto Soussa completaram o pódio.

Marco Brasil, líder do campeonato, foi o mais rápido na classificação, ficando com a pole-position e formando a primeira fila com Wagner Pegoraro, o segundo. José Godoy foi terceiro, à frente de José Crescente, Julio Moreira e Toni Andrade. Beto Soussa, André Cattermol, Pedro Humenhuk e Adriano Fraporti completaram o top-10 do grid de largada.

Classificação
1 Marco Brasil (Oval Engineering), 24.887
2 Wagner Pegoraro (Pegoraros Racing), 24.894
3 Jose Godoy (Pegoraros Racing 2), 24.894
4 Jose Crescente (Pegoraros Racing 2), 24.914
5 Julio Moreira (Dragon Racing AV), 24.925
6 Toni Andrade (Pegoraros Racing), 24.927
7 Beto Soussa (Dragon Racing AV), 24.943
8 Andre Cattermol (Pro Drivers), 24.943
9 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 24.963
10 Adriano Fraporti (Pegoraros Racing), 24.982
11 Ale Farah (Dragon Racing AV), 25.044
12 Mateus Monteiro (BMRS Motorsports), 25.186
13 Rodrigo Villaverde (Mondial Racing), sem tempo

A corrida se iniciou de forma totalmente tranquila, mas com mudanças na liderança da prova. Wagner Pegoraro passou pelo pole-position Marco Brasil na largada e esta dupla da ponta, juntamente com José Godoy, Andre Cattermol, José Crescente, Toni Andrade e Pedro Humenhuk, proporcionaram as primeiras disputas por posição da etapa. Julio Moreira, vice-líder do campeonato, acabou encostando no muro e teve que ir aos boxes, se complicando não apenas na disputa das 120 voltas, mas também na campetição, já que Marco conseguiu recuperar o 1º posto de Pegoraro.

Três bandeiras amarelas interromperam a corrida, sendo a primeira causada por Toni Andrade, que colidiu forte no muro e teve que abandonar a prova. Os pilotos aproveitaram esta primeira amarela para irem ao pitlane, e Marco Brasil voltou ainda na liderança, seguido por Wagner Pegoraro, José Godoy, André Cattermol, Pedro Humenhuk e Adriano Fraporti, pelotão de frente que protagonizou bons duelos.

As duas últimas bandeiras amarelas foram causadas por incidentes entre Wagner Pegoraro e Pedro Humenhuk – que abandonaram a prova – e entre André Cattermol e José Godoy, com Godoy levando a pior e sendo mais uma baixa no grid. Após estas interrupções, as paradas nos boxes tiveram que acontecer em bandeira verde. Adriano Fraporti, que aparecia em segundo, antecipou a parada na tentativa de superar Marco Brasil, mas não conseguiu. O piloto da Oval Engineering seguia na liderança.

Ao final, Marco Brasil recebeu a bandeira quadriculada em primeiro e comemorou, além da sua quarta vitória no campeonato, a grande vantagem que abriu na liderança da competição. Adriano Fraporti foi segundo, seguido por Beto Soussa, Mateus Monteiro e Ale Farah. Rodrigo Villaverde, José Crescente e Julio Moreira fecharam o grupo dos que completaram a prova.

Com os resultados, Marco Brasil agora soma 113 pontos, 22 a mais que Adriano Fraporti, que tem 91. Julio Moreira é o terceiro com 81 tentos, mas só tem chances na disputa pelo vice-campeonato. Entre as equipes, a Pegoraros Racing, que teve baixas importantes durante a prova, lidera com 170 pontos, mas viu a Dragon Racing AV encostar com 162 tentos.

A última etapa da Indy Pro será realizada no circuito de Pocono, no dia 17 de agosto, às 22h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Deep Art, Fanatec, Nuuvem, RealGame, e o apoio de Canal Sim Force, F1 Brasil, F1Mania, iRacing, NRT Servers, Reiza Studios,Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 120 voltas
1 Marco Brasil (Oval Engineering), 120 voltas
2 Adriano Fraporti (Pegoraros Racing), +8.696
3 Beto Soussa (Dragon Racing AV), +10.361
4 Mateus Monteiro (BMRS Motorsports), +12.120
5 Ale Farah (Dragon Racing AV), +1 volta
6 Rodrigo Villaverde (Mondial Racing), +1 volta
7 Jose Crescente (Pegoraros Racing 2), +1 volta
8 Julio Moreira (Dragon Racing AV), +2 voltas
9 Andre Cattermol (Pro Drivers), Abandono (106)
10 Jose Godoy (Pegoraros Racing 2), Abandono (53)
11 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), Abandono (47)
12 Wagner Pegoraro (Pegoraros Racing), Abandono (46)
13 Toni Andrade (Pegoraros Racing), Abandono (21)
Volta mais rápida: José Godoy, 25.115

Race Control
Incidente entre Rodrigo Villaverde e Alexandre Farah – Nenhuma ação tomada.[118]
Incidente entre José Godoy e Andre Cattermol – Nenhuma ação tomada.[47]
Pedro Humenhuk, Pós-corrida +40s no tempo final de prova- Incidente de nível 3 (16.3.1) [+3 Licença][46]
José Godoy, End of Line – Incidente de nível 2 (16.2.1) [+2 Licença][32]
Incidente entre Toni Andrade e Matheus Monteiro – Nenhuma ação tomada.[20] [Netcode]
Wagner Pegoraro, Warning – Incidente de nível 1 (16.1.1) [+1 Licença][18]

Pontos nas licenças
Pedro Humenhulk +3
José Godoy +2
Wagner Pegoraro +1

VT da etapa

More in Corridas