Connect with us

Corridas

F1BC Aliança Indy Pro 2017/2 @ Pocono

F1BC Aliança Indy Pro 2017/2 @ Pocono

Encerrando a temporada 2017/2 do F1 Brasil Clube, os Dallara DW12 da F1BC Aliança Indy Pro chegaram ao oval de Pocono para a disputa de sua etapa final na noite desta quinta-feira (17). Adriano Fraporti ficou com a vitória, confirmando seu vice-campeonato e o título da sua equipe, a Pegoraros Racing. Fraporti só não conseguiu evitar a conquista do campeonato de Marco Brasil, que chegou em segundo e se sagrou campeão da categoria deste segundo período de competição do ano. André Cattermol completou o pódio.

Já sendo um passo à frente para a conquista do título, Marco Brasil garantiu a pole-position na classificação e teve a comapanhia de Vinicius Marega na primeira fila. Adriano Fraporti, vice-líder do campeonato, classificou na segunda fila, ao lado de Toni Andrade. Julio Moreira, Beto Soussa, André Cattermol, José Crescente, Mateus Monteiro e Pedro Humenhuk completaram a formação do grid de largada da noite, que ainda teve José Godoy, Rodrigo Villaverde, Ale Farah e Heberton Eduardo.

Classificação
1 Marco Brasil (Oval Engineering), 41.254
2 Vinicius Marega (Pegoraros Racing 2), 41.273
3 Adriano Fraporti (Pegoraros Racing), 41.279
4 Toni Andrade (Pegoraros Racing), 41.289
5 Julio Moreira (Dragon Racing AV), 41.299
6 Beto Soussa (Dragon Racing AV), 41.304
7 Andre Cattermol (Pro Drivers), 41.308
8 Jose Crescente (Pegoraros Racing 2), 41.311
9 Mateus Monteiro (BMRS Motorsports), 41.314
10 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), 41.336
11 Jose Godoy (Pegoraros Racing 2), 41.346
12 Rodrigo Villaverde (Mondial Racing), 41.451
13 Ale Farah (Dragon Racing AV), 41.515
14 Heberton Eduardo (Dragon Racing AV 2), Sem tempo

A corrida começou com uma largada limpa, mas bastante disputada. O pole-position Marco Brasil caiu para terceiro após ser superado por Vinicius Marega e Toni Andrade, respectivamente. Atrás, Adriano Fraporti, Julio Moreira e André Cattermol eram outros que se destacavam por trocas de posições e, neste grupo, Beto Soussa também entrou na briga.

Na volta 15, Marega aparecia nos boxes, já fora da disputa, após colidir forte no muro e atravessar a pista. O simulador não autorizou a entrada do safety-car por conta do bólido da Pegoraros Racing ter ficado na grama. Toni Andrade herdou a liderança, mas logo foi superado por Marco Brasil, André Cattermol, Julio Moreira e Adriano Fraporti.

Por volta de 25 giros completados, os pilotos foram ao pitlane em bandeira verde. Marco Brasil permaneceu na frente, mas logo após as movimentações nos boxes a primeira e única bandeira amarela da prova interrompeu a disputa. O líder do campeonato não fez uma boa relargada e permitiu a ultrapassagem do vice-líder Adriano Fraporti, que só seria campeão se o piloto da Oval Engeenering fosse desclassificado.

A segunda bandeira amarela quase veio na colisão de Rodrigo Villaverde com o muro ao se enroscar com Ale Farah. Mas o piloto da Mondial Racing conseguiu recolher antes que o simulador ativasse a entrada do safety-car.

Restando em torno de 26 voltas para o fim da corrida, os pilotos partiram para a segunda parada nos boxes também em bandeira verde. Adriano Fraporti entrou nos boxes e conseguiu retornar na ponta. Marco Brasil, porém, perdeu a posição para André Cattermol e Julio Moreira, que parou antes e também passou pelo piloto da Pro Drivers. Pedro Humenhuk aparecia na sequência.

Ao final, Fraporti conquistou a vitória selando uma grande campanha com um vice-campeonato e também confirmando o trófeu para a Pegoraros Racing na disputa entre as equipes. O vencedor da prova não conseguiu evitar o título de Marco Brasil, que chegou em segundo e se sagrou campeão da Aliança Indy Pro na temporada 2017/2 do F1 Brasil Clube. André Cattermol foi terceiro, seguido de Julio Moreira, Pedro Humenhuk e Mateus Monteiro. Ale Farah, Heberton Eduardo, Beto Soussa e José Godoy completaram o top-10 da etapa final.

O F1 Brasil Clube parabeniza Marco Brasil pelo título conquistado, Adriano Fraporti pelo vice-campeonato, e Julio Moreira pelo terceiro lugar, além da Pegoraros Racing, campeã entre as equipes. A classificação final de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima temporada da Indy Pro será iniciada no dia 14 de setembro, em um circuito ainda não definido, às 22h00 (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na Fan Page www.facebook.com/f1brasilclube. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

O F1BC tem o patrocínio de Aliança Consultoria, Deep Art, Fanatec, Nuuvem, RealGame, e o apoio de Canal Sim Force, F1 Brasil, F1Mania, iRacing, NRT Servers, Reiza Studios,Sector3 Studios, SimRacingTools, e SimSync.

Final, 80 voltas

1 Adriano Fraporti (Pegoraros Racing), 80 voltas
2 Marco Brasil (Oval Engineering), +2.258
3 Andre Cattermol (Pro Drivers), +4.658
4 Julio Moreira (Dragon Racing AV), +5.289
5 Pedro Humenhuk (Falcon Motorsports), +7.261
6 Mateus Monteiro (BMRS Motorsports), +7.996
7 Ale Farah (Dragon Racing AV), +19.420
8 Heberton Eduardo (Dragon Racing AV 2), +23.167
9 Beto Soussa (Dragon Racing AV), +1 volta
10 Jose Godoy (Pegoraros Racing 2), +1 volta
11 Rodrigo Villaverde (Mondial Racing), Abandono (50)
12 Toni Andrade (Pegoraros Racing), Abandono (29)
13 Jose Crescente (Pegoraros Racing 2), Abandono (15)
14 Vinicius Marega (Pegoraros Racing 2), Abandono (14)
Volta mais rápida: André Cattermol, 42.055

Race control
Rodrigo Villaverde, Warning – Incidente de nível 1 (16.1.1) [+1 Licença][50]
Incidente entre José Godoy e Toni Andrade – Nenhuma ação tomada.[29][Netcode]
Incidente entre Rodrigo Villaverde e José Crescente – Nenhuma ação tomada.[17]
Incidente entre Adriano Fraporti e Andre Cattermol – Nenhuma ação tomada.[12]

Pontos nas licenças
Rodrigo Villaverde +1

VT da etapa

More in Corridas