Connect with us

Corridas

F1BC Indy Light 2018/3 @ Michigan

F1BC Indy Light 2018/3 @ Michigan

Iniciando a última semana de corridas da temporada 2018/3 do F1 Brasil Clube, a Indy Light chegou em sua decisão na noite desta segunda-feira (10). Em final de corrida eletrizante em Michigan, que teve disputa pelo título até a linha de chegada, Victor Del Porto venceu e se sagrou campeão da categoria dos Dallara DW12. Bruno Miranda e Fernando Passos completaram o pódio. 5º, Bruno Vasconcelos foi vice-campeão e contribuiu para o título da Dragon Racing AV entre as equipes.

Na classificação, que teve uma disputa apertadíssima, Bruno Miranda ficou com a pole-position, superando o líder o terceiro colocado do campeonato, Bruno Vasconcelos e Victor Del Porto. Fernando Stropa, Jorge Destro e Silvio Sanchez apareceram na sequência. Ricardo Bizotto, Yurem Rubens, Mayer Vasconcellos e Deivilyn Carrasco completaram o top-10 do grid de largada, que contou com 23 carros esta noite.

Classificação
1 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), 31.749
2 Bruno Vasconcelos (Dragon Racing AV), 31.756
3 Victor Del Porto (Static Racing), 31.762
4 Fernando Stropa (Dragon Racing AV), 31.764
5 Jorge Destro (Triple Crown Motorsports), 31.773
6 Silvio Sanchez (Static Racing), 31.781
7 Ricardo Bizotto (BMRS Motorsports), 31.783
8 Yurem Rubens (SUB Racing 2), 31.794
9 Mayer Vasconcellos (SUB Racing 2), 31.795
10 Deivilyn Carrasco (Dragon Racing AV), 31.798
11 Ricardo Pereira (Independente), 31.804
12 Renato Chiara Jr (Overmind Racing 2), 31.849
13 Leo Alves (Red Arrow Racing Team), 31.854
14 Joao Silveira (Grip Racing), 31.879
15 Pedro Humenhuk (Triple Crown Motorsports), 31.935
16 Carlos Weiss (Tornado Motorsports), 31.981
17 Alvaro Wanderley (SUB Racing 3), 32.309
18 Heliton Ribeiro (Red Arrow Racing Team), 32.330
19 Carlos Aguiar (SUB Racing), 32.647
20 Jose Falcao (BMRS Motorsports 2), Sem tempo
21 Lucas Silva (Hattrick Racing), Sem tempo
22 Cristiano Benevenuto (Triple Crown Motorsports), Sem tempo
23 Fernando Passos (Overmind Racing), Sem tempo

A corrida teve um bom início em Michigan. Inicialmente os pilotos preferiram evitar as disputas, mas não demorou para o ritmo de prova esquentar, principalmente quando os competidores já procuravam os boxes aos 15 minutos de etapa. E foi justamente neste momento que um incidente com Silvio Sanchez acionou a primeira bandeira amarela da noite.

Na relargada, Victor Del Porto era quem aparecia na frente, porém, João Silveira mostrou um ritmo superior e tomou a ponta. Bruno Vasconcelos acompanhava a briga em 3º. Mas o safety-car interveio na corrida mais uma vez, por conta de um incidente entre Fernando Stropa e Jorge Destro.

Após a segunda bandeira amarela, os pilotos colocaram a cabeça no lugar e a corrida encontrou um bom stint em bandeira verde. Para valer a pena a pontuação dobrada, a etapa final teve duração de 70 minutos, ao invés dos 50 normais. Logo, a preocupação dos competidores era com a estratégia de prova.

Já na parte final da corrida, um incidente entre Deivilyn Carrasco e João Silveira provocou a terceira e última bandeira amarela da etapa. E na relargada, restando pouco mais de dois minutos para o fim, Victor Del Porto, em 1º, e Bruno Miranda, em 2º, disputavam a vitória e o título da temporada.

Por 0s024, Victor Del Porto venceu em Michigan e se sagrou campeão da temporada 2018/3 da Indy Light. Bruno Miranda chegou em segundo e Fernando Passos, em terceiro, herdando o lugar de Leo Alves, que apesar do grande final de prova, foi desclassificado pela direção de provas por atingir 10 pontos em sua licença.

A penalidade aplicada após a bandeirada fez Bruno Vasconcelos subir uma posição, chegando em 5º, mesmo assim, o piloto da Dragon Racing AV, que foi campeã na disputa entre as equipes, não faturou o título e ficou com o vice-campeonato. 2º, Bruno Miranda assegurou a medalha do terceiro lugar.

O F1 Brasil Clube parabeniza Victor Del Porto pelo título conquistado, Bruno Vasconcelos pelo vice-campeonato e Bruno Miranda pelo terceiro lugar, além da Dragon Racing AV, campeã entre as equipes. A classificação final do campeonato de pilotos e equipes está no site oficial www.f1bc.com.

A próxima temporada da Indy Light começará no dia 07/01, em Daytona [A], a partir das 20h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo na gaming.youtube.com/f1bchallenge. Todas as informações sobre o F1 Brasil Clube você confere em www.f1bc.com.

As inscrições para a temporada 2019/1 do F1BC já estão abertas. Inscreva-se em www.f1bc.com/inscricoes, preenchendo o formulário completo. Todos os dados serão computados no banco de dados do clube, que retornará com agilidade aos pedidos com as informações de pagamento e demais confirmações.

O F1BC tem o patrocínio de Aguiatech, Aliança Consultoria, Área Nobre Estacionamentos, Chiara Guitar Parts, Extreme SimRacing, Logitech, M7Help, e o apoio de Canal Sim-Force, F1 Brasil, F1 Mania, iRacing, Reiza Studios, e Sector3 Studios.

Final, 50 minutos
1 Victor Del Porto (Static Racing), 103 voltas
2 Bruno Miranda (BMRS Motorsports), +0:00.024
3 Fernando Passos (Overmind Racing), +0:00.231
4 Cristiano Benevenuto (Triple Crown Motorsports), +0:00.261
5 Bruno Vasconcelos (Dragon Racing AV), +0:02.145
6 Pedro Humenhuk (Triple Crown Motorsports), +0:02.407
7 Yurem Rubens (SUB Racing 2), +0:03.360
8 Ricardo Bizotto (BMRS Motorsports), +0:03.540
9 Mayer Vasconcellos (SUB Racing 2), +1 volta
10 Jose Falcao (BMRS Motorsports 2), +2 voltas
11 Carlos Weiss (Tornado Motorsports), +6 voltas
12 Heliton Ribeiro (Red Arrow Racing Team), +8 voltas
13 Joao Silveira (Grip Racing), +9 voltas (+60s)
14 Deivilyn Carrasco (Dragon Racing AV), +9 voltas
15 Alvaro Wanderley (SUB Racing 3), Abandono (65)
16 Fernando Stropa (Dragon Racing AV), +63 voltas
17 Jorge Destro (Triple Crown Motorsports), Abandono (40) (+60s)
18 Ricardo Pereira (Independente), Abandono (33)
19 Silvio Sanchez (Static Racing), +73 voltas
20 Renato Chiara Jr (Overmind Racing 2), Abandono (12)
21 Lucas Silva (Hattrick Racing), Abandono (0)
22 Carlos Aguiar (SUB Racing), Desclassificação (DQ)
23 Leo Alves (Red Arrow Racing Team), Desclassificação (DQ)
Volta mais rápida: Carlos Aguiar, 0:31.492

Pontos bônus
Bruno Miranda +1 pela pole-position
Victor Del Porto +1 por liderar mais voltas

Race control
Análise de possível problema de conexão de Vitor del Porto.[1]
Cristiano Benevenuto, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][3]
Renato Chiara, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][6]
Incidente entre Bruno Vasconcelos e Vitor del Porto – Nenhuma ação tomada.[15]
Incidente entre Carlos Aguiar e Heliton Ribeiro – Nenhuma ação tomada.[16]
Análise de possível problema de conexão de Vitor del Porto.[20]
Carlos Weiss, Warning – Incidente de nível 1 (17.1.1) [+1 Licença][22]
Incidente entre Bruno Vasconcelos e Bruno Miranda – Nenhuma ação tomada.[28](Netcode)
Jorge Destro, +60s – Incidente de nível 4 (17.4.1) [+4 Licença][40]
Análise de possível problema de conexão de Vitor del Porto.[40]
Incidente entre Yurem Rubens e Vitor del Porto – Nenhuma ação tomada.[54]
Joao Silveira, +60s – Incidente de nível 4 (17.4.1) [+4 Licença][94]
Bruno Miranda, Warning – Chat durante a sessão (17.1.4) [+1 Licença][94]
Deivlyn Carrasco, Warning – Envio excessivo de Notificação (17.1.9) [+1 Licença][94]
Carlos Aguiar, +20s – Jump start (17.2.16) [+2 Licença][98]
Leo Alves, +20s – Bloqueio deliberado ao adversário (17.2.13) [+2 Licença][101]
Incidente entre Leo Alves e Yurem Rubens – Nenhuma ação tomada.[102](Netcode)

Pontos nas licenças
Jorge Destro +4
Joao Silveira +4
Carlos Aguiar +2
Leo Alves +2
Cristiano Benevenuto +1
Renato Chiara +1
Carlos Weiss +1
Bruno Miranda +1
Deivlyn Carrasco +1

Observações
Carlos Aguiar, Disqualification – Atingiu 10 pontos na Licença na etapa final (20.4)
Leo Alves, Disqualification – Atingiu 10 pontos na Licença na etapa final (20.4)

Vídeo da etapa

Advertisement

Facebook

Advertisement

VÍDEO DESTAQUE

More in Corridas